Blog do Dresch

20 de setembro de 2016

Municípios não recebem verbas do Fundeb

                   O repasse dos recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb) não está chegando aos municípios de Alagoas por causa da greve dos bancários em todo o país. O Secretário de Estado da Fazenda, George Santoro, alertou que a Secretaria já depositou R$ 11,5 milhões para os municípios de Alagoas, mas o valor está retido no Banco do Brasil, que não conseguiu operacionalizar a transmissão dos recursos em função da paralização dos trabalhadores dos bancos. “Todos os depósitos já foram feitos pelo Governo do Estado, mas não foram efetivados nas contas dos municípios”, esclarece Santoro, ao checar a situação junto ao próprio Banco do Brasil.

Denúncia desmoralizada

                   A denúncia da força-tarefa da Operação Lava-Jato contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, utilizou uma informação que consta apenas do esboço da delação premiada do empresário Léo Pinheiro. Esta delação, inclusive, foi recusada pela Procuradoria-Geral da República. A informação é da Folha de São Paulo. Pinheiro, sócio da OAS, disse apenas que a empreiteira descontava os repasses que fez para o apartamento tríplex do Guarujá para uma conta que mantinha com o PT, usada paga pagar propina da Petrobrás. “Esse apartamento seria abatido dos créditos que o PT tinha a receber por conta da propina que a OAS tinha obtido da Petrobrás” disse Léo Pinheiro, condenado a 16 anos de cadeia, na sua delação premiada. A denúncia dos promotores contra Lula se baseava em trechos da delação do empresário, mas os promotores não citaram a fonte e muito menos apresentaram qualquer tipo de prova ou comprovante da corrupção atribuída ao ex-presidente. Disseram apenas “estar convictos” da sua culpabilidade. Nada além disso. O jornal ouviu ainda vários advogados sobre a acusação, que disseram que os promotores precisam comprovar os supostos subornos que Lula teria recebido, para existir corrupção.


Família esquartejada

                   A Guarda Civil da Espanha encontrou neste Domingo, os corpos esquartejados de quatro brasileiros, dois adultos e duas crianças de um e 4 anos, em uma casa do conjunto residencial La Arboleda de Pioz, na cidade de Guadalajara. As vítimas faziam parte de uma mesma família. Segundo a Guarda, os policiais foram chamados por vizinhos em função do odor sentido no local. Os corpos foram encontrados em sacos plásticos fechados, que foram encontrados na sala do imóvel. As vítimas não eram proprietárias do imóvel e haviam alugado o mesmo em Julho.

Família esquartejada 2

                   Moradores do conjunto disseram ainda que a família era muito reservada e que era muito raro vê-los na rua. Apenas o pai foi visto algumas vezes no caminho do supermercado da região. A família também não tinha carro. Ainda segundo os vizinhos, o local onde os corpos foram encontrados contava com um serviço de vigilância 24 horas em um dos acessos, mas outras entradas não eram vigiadas. A polícia não deu maiores explicações sobre a chacina, apenas levantou a hipótese de que os crimes possam estar relacionados a um “acerto de contas”.

A cura da leucemia

             A combinação de dois remédios inibidores pode curar a leucemia mielóide crônica e baratear os custos do tratamento. Este foi o resultado obtido em um estudo desenvolvido na Universidade do Texas. A leucemia mielóide crônica é um tipo de câncer que tem início em certas células produtoras de sangue na medula óssea e que afeta cerca de 20% dos pacientes diagnosticados com leucemia. O estudo desenvolvido pelos pesquisadores da Universidade do Texas, em Houston, abriu uma porta para a cura deste tipo de câncer, cujo tratamento atual não consegue erradicar totalmente as células malignas.

A cura da leucemia 2

              Na pesquisa os cientistas combinaram o inibidor de enzima da tirosina cinase Bcr-Abl e outro inibidor conhecido como venetoclax (BCL-2), que juntos demonstraram uma resposta positiva na cura de ratos, tanto para a fase crônica da doença como para a fase terminal. O inibidor Bcr-Abl permite uma remissão para muitos pacientes, mas não erradica todas as células cancerígenas. Desta forma os pacientes devem continuar utilizando o medicamento para o resto de suas vidas, a um custo estumado em US$ 100 mil anuais. Utilizando conjuntamente o BCL-2, os resultados foram os melhores possíveis e as perspectivas para a cura da leucemia bastante otimistas.

Retrato da impunidade

           O ex-jogador Edmundo, agora comentarista do canal de esportes da Fox, foi pego em uma Operação da Lei Seca, na Barra da Tijuca, no Rio de janeiro. O exame do bafômetro comprovou a presença de álcool no sangue. Edmundo tem antecedentes em termos de acidentes. Foi o causador de uma grave colisão em 1995, que deixou três pessoas mortas e três feridas, na Lagoa Rodrigo de Freitas. Ele bateu em outro carro, matando dois ocupantes e uma moça que estava em seu carro (Joana Martins Couto). Quatro anos depois, em 1999 foi condenado a 4 anos e 6 meses em regime aberto por homicídios culposos e lesões corporais.

 

 

  • Alagoas mais uma vez se saiu muito bem na Olimpíada Brasileira de Física das Escolas Públicas (OBFEP), ficando em sétimo lugar a nível nacional, e em quarto entre os estados nordestinos.
  • As provas aconteceram no final de Agosto e 254 alunos passaram para a próxima fase da competição, que vai acontecer em 8 de Novembro.
  • Dos alagoanos aprovados, 202 estudam na rede estadual de ensino, 38 pertencem à rede federal e 14 são oriundos das redes municipais.
  • A Escola Professor José Félix de Carvalho de São Sebastião teve 26 alunos classificados, seguido pela Escola Maria de Lurdes Santos Silva, de Batalha com 24 alunos e ainda Jorge de Lima e Paulo de Castro Sarmento (ambas de União dos Palmares) e Santos Dumont de Rio Largo que aprovaram 10 alunos cada.
  • As escolas Graciliano Ramos, de Palmeira dos Índios, Moreira e Silva de Maceió, e Oliveira Silva, do Pilar, classificaram nove estudantes e o Centro de Educação de Jovens e Adultos Paulo Freire, em Maceió e a Escola Lima Castro, de Coruripe, possuem cada uma, oito alunos classificados.