Roberto Baia

9 de setembro de 2016

Novo nome em Viçosa

Um novo nome na política de Viçosa está dando o que falar. Em seu primeiro pleito para ocupar uma vaga na Câmara de vereadores de Viçosa, a advogada Sâmia Bida realizou esta semana uma reunião onde apresentou suas propostas caso seja eleita. Ao lado do candidato a prefeito, Davi Brandão e do ex-prefeito, Péricles Brandão, a candidata mostrou segurança para diversos viçosenses que estão vendo nela um novo horizonte no legislativo municipal. Em seu discurso, Sâmia Bida falou sobre sua abordagem na campanha de não prometer coisas que não podem ser feitas por um vereador, sobre não ter ajuda de campanha ou financeira de outros políticos e sobre não fazer favores, que conotem compra de votos. 

Novas ideias

A candidata também apresentou sua proposta de trabalho caso seja eleita: fazer fiscalização da aplicação do dinheiro e de outras coisas, além de eventos que poderiam gerar receita para o município, coisas que podem, de fato, ser postas em prática e que beneficiariam a população.  

Verdadeira política

A reunião com a candidata Sâmia Bida ocorreu no Clube Social de Viçosa. O momento também foi aberto para perguntas, onde o foco principal foi o sistema de saúde, principalmente os serviços da Unidade de Pronto Atendimento da cidade. A candidata Sâmia Bida está sendo vista em Viçosa como uma pioneira no verdadeiro fazer político, suas propostas e ideias são consideradas, por muitos viçosenses, conhecedoras do verdadeiro papel de um vereador.

Educação é prioridade

A informação é da jornalista Isabelle Targino: Pelo terceiro ano consecutivo, a educação município de Jequiá da Praia foi avaliada pelo Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) como a melhor do Estado, com média 6,8. Este resultado é fruto do trabalho iniciado em 2009, no início da gestão do prefeito Marcelo Beltrão, quando a nota era de 3,4. No ano de 2011, o município começou a se posicionar como o primeiro colocado no Estado, com nota de 5,1; e em 2013 a nota foi 5,8, também primeiro colocado.

                        
Pão de Açúcar

Uma estratégia eleitoral está dando o que falar na cidade de Pão de Açúcar. Trata-se da criação de um “cartão de crédito” distribuído com os eleitores das regiões mais pobres da cidade. Segundo informações o referido cartão foi criado pelo candidato a prefeito Flávio Almeida e faria referência a uma bolsa que será distribuída com esse eleitorado, caso o candidato saia vitorioso no processo eleitoral.

Manobra perigosa

De acordo com o site Éassim, a oposição de Pão de Açúcar entende a estratégia do candidato como uma manobra perigosa, capaz de se constituir em “tiro no pé”, uma vez que o cartão simboliza o poder compra em qualquer mercado e, neste caso, a conotação dada pelo adversários de Flávio Almeida é que a mensagem denota a compra de votos.

Mata Grande

O juiz João Dirceu Soares Moraes, da 27ª Zona Eleitoral, publicou, ontem, quinta-feira (08), a uma Portaria suspendendo todas as carreatas, caminhadas e atos de campanha similares promovidos pelos partidos e coligações que concorrem às eleições de Mata Grande. A decisão do magistrado ocorre após incidente que aconteceu na última quarta (07), no município, onde seis pessoas ficaram feridas durante comício, quando um adversário político foi vaiado e, num ataque de fúria, atropelou quem estava no local.

Mata Grande 2

Na Portaria, o juiz estabelece que a Polícia Militar de Alagoas (PM/AL) deverá adotar as providências necessárias para o cumprimento da medida, conduzindo imediatamente os infratores à delegacia. “Essa portaria foi editada a fim de manter a paz e ordem pública, bem como resguardar a dignidade e a integridade dos concorrentes e dos cidadãos locais. O descumprimento importará na configuração de crime de desobediência, previsto no art. 347 do Código Eleitoral, além da cominação de sanções cíveis-eleitorais aos agentes”, frisou o magistrado.

Tropas federais

Na última segunda-feira (05), o juiz já havia protocolado no Tribunal Regional Eleitoral de Alagoas (TRE/AL) o pedido de emprego de força federal, enfatizando a necessidade de garantir a plena ordem e a segurança não só no dia da votação, mas também no período que antecede o pleito, para os municípios de Mata Grande, Canapi e Inhapi, que compõem a 27ª Zona. No pedido, João Dirceu alertou a situação tensa no período eleitoral e a carência de efetivo do policiamento. 

Arapiraca

A Escola de Ensino Fundamental Coronel Pedro Suruagy, em Arapiraca, vestiu literalmente a camisa da Metodologia Liga Pela Paz na quarta-feira (7), dia de desfilar pelas ruas da cidade em comemoração aos 194 anos da Independência do Brasil.

… A metodologia é uma aposta da Secretaria de Estado de Prevenção à Violência (Seprev), em parceria com a prefeitura da cidade e com a organização Inteligência Relacional, na Cultura de Paz como resposta aos índices negativos de aprendizagem e à violência presente nas salas de aula e para além de seus muros.

… Ao todo, 100 alunos da Escola Pedro Suruagy desfilaram. Dentre eles, 20 crianças do 3º, 4º e 5º ano da escola marcharam vestindo a camisa com os personagens da Liga Pela Paz. Além disso, dois alunos à frente seguraram a bandeira da metodologia

…. A Metodologia Liga pela Paz foi implantada, há sete meses, em 57 escolas municipais de Arapiraca e já vem beneficiando mais de 20 mil alunos e 800 professores.