Flávio Gomes

1 de setembro de 2016

A sangria de Lula

De Josias de Sousa em seu blog: “A história vive atrás de algo capaz de resumir uma época, seja a delação da Odebrecht ou a fatura do cartão de crédito internacional da mulher de Eduardo Cunha. Os brasileiros do futuro talvez escolham como um desses momentos marcantes a presença de Lula nas galerias do Senado como espectador do discurso de autodefesa de Dilma Rousseff no processo de impeachment… Hoje, o impeachment é visto como um pesadelo do qual Dilma tenta acordar. No futuro, dirão que a deposição de Dilma foi uma trama de Lula contra si mesmo. Seu estilo de governar manipulando opostos e firmando alianças tóxicas financiadas à base de mensalões e petrolões se revelaria uma rendição à oligarquia empresarial. A pseudo-esperteza de vender uma incapaz como supergerente produziu um conto do vigário no qual a maioria do eleitorado caiu. Restou a imagem de um Lula que —convertido em réu por um juiz da primeira instância de Brasília e em indiciado pela Polícia Federal em Curitiba— vai às galerias do Senado na condição de detrito. Destituído de seus superpodres, apenas observa o derretimento de sua criatura, na luxuosa companhia de Chico Buarque, autoconvertido em inocente inútil. O ex-mito virou um personagem hemorrágico.”

Plumagem

Poucos se lembram, mas o senador Renan Calheiros já foi, embora por pouco tempo, filiado ao PSDB. E no processo de impeachment de Dilma Rousseff se portou como legítimo tucano: votou em favor da cassação da ex-presidente, mas articulou para que ela não perdesse os seus direitos políticos.

Pizzaria

O que se suspeita é que a articulação do presidente do Senado, respaldada por outros personagens de partidos diversos, resulte, a médio prazo, na impunidade para os que estão com pendências na justiça: o próprio Renan, Eduardo Cunha, Michel Temer, Aécio Neves e outras figuras políticas do mesmo naipe.

Cardápio 

O alagoano Humberto Martins assume hoje, às 17h30m, a vice-presidência do Superior Tribunal de Justiça, tendo como presidente a ministra Laurita Vaz. A presença de muitas figuras da área jurídico provocará, naturalmente, comentários sobre o pizzaiolo presidente do STF, ministro Ricardo Lewandowski.

Largada

Um referencial na disputa de prefeito de Arapiraca foi a avaliação da Paraná Pesquisas com o Pajuçara Sistema de Comunicação, feita após as convenções. Nela, eleitores colocam em primeiro lugar Ricardo Nezinho (PMDB), seguido de Tarcizo Freire (PP), Rogério Teófilo (PSDB) e Lindomar Ferreira (PSol).

Mudança

O interessante é que na fase de pré-campanha quem liderava pesquisas, com folga, era Tarcizo Freire. Como resultado da Paraná Pesquisas, têm razão para festejar Ricardo Nezinho, que de segundo passou para primeiro, e Rogério Teófilo, que, com 18,7% de intenções de voto, dobrou em relação às outras avaliações.

TRE/AL 

O Tribunal Regional Eleitoral conta com novos integrantes para o período 2017/2018, pelo Tribunal de Justiça: desembargadores José Carlos Malta Marques (reconduzido) e Pedro Augusto de Araújo Mendonça, titulares, e, suplentes, os desembargadores Tutmés Airan de Albuquerque Melo e Elisabeth Carvalho Nascimento.

Opinião

Miguel Reale Júnior, subscritor do pedido do impeachment de Dilma, sobre as gestões do PT na Presidência da República: “É uma administração pública não baseada no mérito, mas na sinecura, na difusão de que o que importa é ser malandro. O lulopetismo deixa como legado a esperteza, a malandragem. O país não quer mais isso.”

 

* O Instituto Euvaldo Lodi de Alagoas premiou a Cerutti Engenharia  com o primeiro lugar na etapa estadual do Inova Talentos, categoria Artigo Destaque. “Como Aumentar a Produtividade no Canteiro de Obras”, de Janine Serafim, foi o trabalho vencedor.

*Hoje, das 8 às 13 horas, acontece o XVI Seminário Alagoano de Apicultura e o III Seminário de Meliponicultura, promoção do Sebrae em Alagoas e parceiros, para discussão sobre negócios na área. No auditório do Senai/AL, no Poço.

*O projeto Quinta no Arena anuncia para hoje a peça “Do Barro ao Sangue”, do grupo Vers’Artes, a partir das 19h30m, baseada em “A Beata Maria do Egito”, obra da escritora cearense Rachel de Queiroz, abordando questões regionalistas e históricas.

*Inicia-se hoje, e vai até domingo, a primeira edição do “Portugal”. Na cidade de Barra de São Miguel. Haverá atividades gastronômicas, oficinas e apresentações musicais, inclusive da cantora angolana Irina Costa, radicada há anos em Alagoas.

*A Secretaria estadual da Saúde lança hoje o Portal do Cidadão, o primeiro Portal da Transparência do SUS em Alagoas. Objetivo: consolidar o compromisso da gestão estadual em incentivar a cidadania e o controle social dos gastos públicos.

 

“Não existe estado democrático de direito sem legislativo. Mas não precisa ser gordo e inchado como é hoje.”

Antonio Reguffe

Senador do Distrito Fededral, defendendo a redução de parlamentares no Congresso