Flávio Gomes

17 de agosto de 2016

O PT e o futuro de Dilma

De Josias de Sousa, em seu blog: “Num instante em que o PT ajusta seus planos à realidade pós-impeachment, dirigentes da legenda começaram a sussurrar entre si uma pergunta incômoda: o que fazer com Dilma Roussseff depois que o Senado confirmar sua deposição? Um grão-petista que tem apreço por Dilma disse torcer para que ela não cultive nenhum projeto político pessoal. Sob pena de se decepcionar. Forma-se no PT uma corrente que defende a tese segundo a qual Dilma deve ser desligada da tomada. Como tudo no partido, esse assunto também passa por Lula. Avalia-se que o criador é a pessoa adequada para conversar com a criatura sobre a inconveniência de prosseguir na vida pública. Pelo menos um dirigente do PT defende que o debate seja adiado para depois da passagem de Dilma pela câmara de descompressão da América Latina, já que ela manifestou a intenção de realizar uma viagem por países da região. Com isso, o partido ganharia tempo para dimensionar o estrago a ser produzido pela delação de Marcelo Odebrecht, que deve tornar Dilma matéria-prima para a Lava Jato.”

Definido 

Renan Calheiros, presidente do Senado, é contrário à realização de plebiscito para saber se o brasileiro quer eleições gerais, como pretende Dilma Rousseff: “Na democracia, a melhor saída sempre é a saída constitucional e plebiscito e novas eleições não estão previstos na Constituição. Então isso não é bom”.

Risco

A posição do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, recomendando que o deputado federal Cícero Almeida (PMDB) seja afastado, abrindo vaga para o suplente, é mais um empecilho judicial no caminho do candidato a prefeito. Agora, por infidelidade partidária argüida pelo PRTB, seu ex-partido.

 

Explicado

Corrigindo informação veiculada aqui, ontem: grupos de oposição conseguiram sustar, em parte, a venda de imóveis do município de Arapiraca, como pretende a prefeitura. Só foi impedida a alienação de áreas verdes e leito de ruas, como constava do projeto. Mas, com os protestos, a procura tem sido pequena.

 

Efeito
Dados do Tribunal Regional Eleitoral indicam que este ano há cerca de 50% menos candidatos a vereador em Maceió do que na eleição de 2012. O mesmo está ocorrendo em boa parte de cidades do interior. Resultado, certamente, do descrédito na política e na dificuldade de divulgação para quem não tem mandato.

É a vida

Na última eleição de prefeito, em 2012, muitos apregoavam o apoio de Dilma Rousseff e de Lula. Como a política é, digamos, muito dinâmica, o candidato do PT a prefeito, deputado Paulão, é desprezado por legendas que se sustentaram politicamente nos últimos tempos pela vinculação ao PT.

 

Registro

Segundo o iFood (www.ifood.com.br), estabelecimentos de Maceió que utilizaram plataforma de delivery de comida em 2015 cresceram, no total, o equivalente a 1400% em número de pedidos em relação a 2014. Os dados apontam que os consumidores gastam, em média, R$ 44,00 com delivery de comida.

Opinião

Gaudêncio Torquato: “O ciclo de banalização de escândalos no País chegou às margens sociais, minando a confiança. Escorrendo pelo ralo, ela arrasta consigo a força cívica, o amor à Pátria, o sentimento de inclusão e de identificação com os símbolos nacionais, o orgulho de pertencimento a uma sociedade com padrões éticos e mo­rais.” 

 

 

*O Poder Judiciário de Alagoas está realizando, desde anteontem e até 6ª feira, 19, no 4º Juizado da Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher, a 5ª Semana da Justiça pela Paz em Casa. À frente, a desembargadora Elisabeth Carvalho Nascimento 

 

*A Ademi/AL realiza até 6ª feira, no Maceió Shopping, a Semana de Oportunidades de Imóveis, com apoio da Caixa Econômica Federal e participação de 13 construtoras. Estão há disposição cerca de 2 000 imóveis, com preços e  negociações especiais.

*Até o final de agosto acontece o projeto “Quartas da Comunidade”, da Viva Ambiental em parceria com o SESI na comunidade do Carminha, no Benedito Bentes. A cada semana, das 16h30m às 17h30m, uma peça teatral aborda questões ambientais.

*A cantora Renata Peixoto faz apresentação hoje no projeto Teatro Deodoro é o Maior Barato, lançando seu primeiro disco, “Infinita”. A partir das 19 horas, acompanhada de Felix Baigon, Allysson Paz, Rodrigo Catraca, Gab, China Cunha e Yuri Costa.

* Estão abertas, até o dia 30, as inscrições para a 14 ª exposição pública “Expofísica”, promovida pelo Instituto de Física da Ufal e envolvendo alunos, professores do ensino médio e a sociedade em geral.   Inscrições pelo e-mail: tereza@física.ufal.br

*O Brasil perdeu ontem João Havelange, aos 100 anos de idade. Ex-atleta de natação, foi presidente da Confederação Brasileira de Desportos (hoje CBF) e da FIFA. Tinha vinculação a Alagoas por ser amigo e compadre do desportista José Sebastião Bastos.

 

*Atrações maiores para os brasileiros, hoje, nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro: às 13 horas, futebol masculino – Brasil x Honduras; às 22h15m, volei masculino – Brasil x Argentina. Em ambas as partidas, é vencer ou vencer.

 

 

“É brincadeira de criança”


Gilmar Mendes


Presidente do TSE, sobre a ideia de Dilma Rousseff de um plebiscito para o povo decidir sobre eleições gerais