Roberto Baia

22 de julho de 2016

Célia arrastando o povo

Afastada do pleito, que poderia lhe garantir mais quatro anos de mandato, Célia Rocha desistiu da campanha por motivos pessoais, agravados pela saúde debilitada. A decisão, no entanto, não lhe prejudicou na função de transferir seus milhares e valorosos apoios para os seus indicados. Sob esse novo panorama eleitoral, a prefeita de Arapiraca divide a tarefa de continuar sua gestão até o último dia fazendo o que mais sabe: melhorar os índices sociais e ganhar o apoio da população.

 

 

Em ascensão

 

Sobrevivente com glórias da séria crise financeira que abateu a maioria dos municípios brasileiros, Arapiraca tem se revelado uma fênix. A cidade virou canteiro de obras – que se espalha pelos quatro cantos do município, com recuperação de ruas, pavimentação, reforma de escolas e novas unidades de saúde. O novo ritmo na gestão de Célia Rocha tem contribuído com sua recuperação na aprovação popular, que se ressentia da falta de obras devido a escassez de recursos.

 

Marechal

A Prefeitura de Marechal Deodoro implantou ontem, quinta-feira (21) o Conselho Tributário Municipal. Formado por seis membros, o conselho é composto por dois representantes da Fazenda Municipal, um da Procuradoria Geral do Município e três contribuintes. De acordo com a assessoria da Prefeitura, objetivo é garantir os direitos e obrigações que emanam das relações jurídicas referentes aos tributos de municipais e às rendas derivadas que integram a receita da cidade.

 

Cumprindo a Lei

 

Com a instalação e efetivo funcionamento do Conselho Tributário Municipal, a Prefeitura de Marechal Deodoro cumpri não só a disposição da Lei Municipal Nº 985, de 30 de dezembro de 2009, referente ao Código Tributário Municipal, mas, principalmente, a Constituição Federal que possibilita a ampla defesa, o duplo grau de jurisdição e garante ao contribuinte o devido processo legal.  As reuniões do conselho acontecerão quatro vezes por mês, todas as quartas-feiras, em sessões ordinárias, com conselheiros e/ou os suplentes.  

 

 

Direito de Resposta

Na última terça-feira (19) esta coluna publicou informações sobre a pré-campanha política na cidade de Viçosa. Sobre a nota a vereadora Micheline Fernandes (PV), pré-candidata ao cargo de prefeita, solicitou direito de resposta.

Segue a nota da vereadora: “Em matéria veiculada em seu blog pelo portal TribunaHoje.com, verifiquei a citação de meu nome como aliada a base política do Pré-Candidato a prefeito João Bosco. Apesar de ter amizade com o mesmo “nunca” fiz parte ou aliança política com o mesmo”.

 

Mudança de conceitos

 

A vereadora segue dizendo “Fui eleita pela coligação do prefeito afastado Flaubert Filho, mas ao receber denúncias de irregularidades rompi com o mesmo e denunciei todas elas, como publicado por diversas vezes por esse jornalista. Peço que corrija a informação para que não confunda a minha base política.  Pautada na mudança de conceitos e pela reconstrução de nossa querida Viçosa”. 

 

 

Flexeiras

Moradores de Fleixeiras que ainda não possuíam casa própria foram beneficiados esta semana com a entrega de 40 novas residências. As casas fazem parte do programa Minha Casa, Minha Vida, na modalidade sub 50, voltada para os municípios que possuem até 50 mil habitantes. Cada unidade custou R$ 28 mil, dos quais R$ 25 mil foram recursos federais e o restante, contrapartida do Estado. A prefeitura, por sua vez, executou a infraestrutura hídrica e elétrica, além da doação do terreno.

 

Trabalho incansável

 

As casas possuem dois quartos, sala de estar e jantar, cozinha, banheiro e área de serviço. “O governador Renan Filho tem cobrado incansavelmente melhorias de infraestrutura para a população alagoana. É muito prazeroso fazer entrega de casas, onde vemos a felicidade de sonhos sendo concretizados. Um lar significa segurança para a família”, explicou a secretária de Estado de Infraestrutura, Aparecida Machado.

Município de Maravilha

 O Instituto de Terras e Reforma Agrária de Alagoas (Iteral) promove nos dias 22 e 23, no Polo do município de Maravilha, a 1ª Feira Integrada de Assentados do Crédito Fundiário, Movimentos Sociais e Povos Tradicionais de Alagoas. Além disso, o Instituto leva também ações sociais e atrações culturais para o município sertanejo. 

Produtos da cidade

 

A feira integrada irá comercializar para a população sertaneja produtos cultivados na cidade de Maravilha por assentados do Programa Nacional de Crédito Fundiário (PNCF), movimentos sociais, bem como o artesanato e a gastronomia dos povos tradicionais, quilombolas e indígenas, do Estado. 

 

 

…Vai começar a fase semifinal do Campeonato Alagoano Sub-20, e os meninos da Agremiação Sportiva Arapiraquense (ASA) já se preparam para esta fase de grande importância na competição de juniores. Os guerreiros do Fantasma de Alagoas enfrentarão nessa fase, a equipe do Sete de Setembro, primeira colocada do grupo F do torneio, em duas partidas a serem realizadas na cidade de Maceió.

…O primeiro jogo já acontece às 13h do próximo sábado (23), no Estádio Rei Pelé, no bairro do Trapiche. A segunda partida ainda não tem local definido pela Federação Alagoana de Futebol (FAF), no entanto, a data já está marcada para às 15h da próxima quarta-feira (27).

 

…Caso o ASA se classifique para a finalíssima, os alvinegros poderão enfrentar o vencedor da partida que envolve o Clube de Regatas Brasil (CRB) e a Associação Atlética Coruripe (AAC) em mais duas partidas valendo o título da competição e a vaga para a disputa da Copa São Paulo de Futebol Júnior de 2017.