Edmilson Teixeira

25 de junho de 2016

Delmiro Gouveia, nas costas dos pobres!

O eterno oposicionista Padre Eraldo (PC do B) foi absolvido por unanimidade  ontem pelo TRE/AL. Ele carregava um “pecado” aplicado pela 40ª Zona Eleitoral, sobre um valor acima do normal, conforme consta no processo, na ordem de apenas 2.500 reais, que ele teria investido na candidatura de Heloisa Helena para senadora na eleição passada, onde ele era o primeiro suplente da chapa. Na verdade o dinheiro foi um automóvel  que o Padre teria vendido e doado para a campanha. Simplesmente por essa “pechincha” ele teria se tornado inelegível. Agora os gabirus da vida, esses tradicionais políticos de Alagoas, deitam e rolam com contas bilionárias, mas não dá em nada. Isso é um país desmoralizado! O Padre agora vai peitar e eleição visando a Prefeitura de Delmiro.

 

São Luiz de Quitunde

 

A Prefeitura não dispõe de ambulância própria na ativa, a fim de atender a população, mas no cemitério dos veículos sucateados existem três carros desse tipo impossibilitados de rodarem, em verdadeiro estado de abandono. Recentemente o governo do Estado prometeu um carro. Enquanto isso, a Prefeitura desembolsa mensalmente seis mil reais para manter uma ambulância locada. Resta saber se está pagando esse compromisso, visto que o crédito do governo municipal na praça, está mais surjo de que pau de poleiro de galinheiro.

 

São Luiz de Quitunde – eleição

Sobre eleições 2016, o carismático politico da região continua sendo o ex-prefeito Cícero Cavalcante, que atualmente exerce o papel de deputado estadual, na qualidade de suplente. A pretensão do Cícero é apoiar Júnior Pedro seu ex-adversário, que já foi vereador e prefeito por um curto período e colocando a filha Fernanda para ser vice da chapa.  Mas a grande esperança de Cavalcante, é que os deputados Ricardo Nezinho e Tarciso Freire, um ou outro seja eleito prefeito de Arapiraca. Nesse caso, Cícero Cavalcante assumirá definitivamente o cargo de deputado para o restante desse mandato.

 

 

São Miguel dos Campos

 

Um Shopping Popular começou a ser erguido na cidade de São Miguel dos Campos, além de galpões que vão agregar o Mercado Público local. As obras fazem parte de um projeto de revitalização da área comercial mais tradicional e antiga do município. O projeto prevê um local mais apropriado para os comerciantes trabalharem, com box’s fixos.

 

Variedade 

O Shopping Popular tem como objetivo abrigar os comerciantes de roupas, calçados, elétricos e materiais e utensílios domésticos – que hoje ficam na parte externa do Mercado Público – em box’s padronizados e com acessibilidade, que darão mais comodidade, conforto e segurança, tanto aos donos quanto aos clientes.


Dimensão


O Shopping abrigará 107 lojas, cada uma com 4,25m x 3,5m, totalizando 572,35m², o que garantirá um espaço fechado e com cobertura, em um ambiente maior que o atual. Nesta primeira etapa, serão construídas 32 lojas. O Shopping Popular também receberá banheiros acessíveis para cadeirantes – um masculino e um feminino -, um calçadão, além de uma estrutura organizada e moderna, tudo isso uma maior integração com o complexo comercial.

 

Piaçabuçu

 

Em Piaçabuçu a Adeal recebeu convite da Prefeitura, a fim de intensificar uma campanha de controle nas pragas que têm comprometido à produção de coco. A ação atende inspeções em pousadas, restaurantes e sítios que possuem coqueiros ou palmeiras ornamentais. Nesse primeiro momento, técnicos da Adeal vistoriaram 10 sítios observando se havia a presença da praga batizada de “Ácaro Vermelho das Palmeiras” e, para alívio dos agricultores, em nenhum deles a presença do inseto foi constatado.

 

Arapiraca – abandono

Segundo o jornalista Adalberto Custódio, o Morro Santo da Massaranduba que, por muitos anos, foi palco da mais tradicional encenação da Paixão de Cristo do interior do Estado, transformou-se em ponto de encontro de criminosos e local utilizado para descarte de veículos depenados e esconderijo das peças. De acordo com a organização da encenação religiosa, a Paixão de Cristo de Arapiraca deixou de ser realizada no local devido à falta de patrocinadores, tanto da iniciativa pública quanto da privada.

 

Arapiraca – escritório

Diz o jornalista Adalberto, que pessoas que residem próximo àquela localidade denunciam a movimentação diária de motocicletas e pessoas suspeitas circulando pela região. Recentemente a polícia encontrou motocicletas com queixa de roubo escondidas dentro do matagal. Por ser um local deserto e com uma visão estratégica, o Morro da Massaranduba pode estar sendo utilizado como uma espécie de “escritório do crime”, onde criminosos e receptadores negociam veículos e outros objetos roubados na cidade de Arapiraca e região.

Pão de Açúcar

A cidade ribeirinha de Pão de Açúcar este ano, sem o ‘Forroçúcar’,  vai comemorar os festejos juninos de São João e São Pedro em arraiais comunitários.  Isto é, em palhoças organizadas em ruas e bairros pelos próprios moradores, além de brincadeiras em clubes sociais e ginásios de esporte, que estão sendo promovidas por órgãos vinculados ao governo municipal. A crise econômica travou a Prefeitura em bancar as grandes festas tradicionais que sempre aconteciam nesse período, sobretudo com a presença de artistas musicais do cenário nacional.

Palmeira

 

O TRE/AL inaugurou o Fórum Eleitoral de Palmeira dos Índios. O local beneficiará mais de 120 mil eleitores da 10ª Zona Eleitoral, que também inclui os municípios de Estrela de Alagoas e Belém. O prédio, que teve a obra iniciada em 2007, se tornou a maior construção arquitetônica da Justiça Eleitoral alagoana, dotado de toda a estrutura necessária para melhorar a prestação dos serviços eleitorais na cidade.