Roberto Baia

12 de junho de 2016

Apoio total

O Partido Republicano da Ordem Social (PROS) fechou sua aliança na campanha eleitoral para reeleger Rui Palmeira (PSDB) à prefeitura de Maceió. Esse é o sétimo partido a fazer parte do grupo com o PSDB, que já conta com o apoio do DEM, PDT, Solidariedade, PP e PR.

As lideranças dos dois partidos estiveram reunidas, na sexta-feira, em um encontro no Hotel Ponta Verde. Pré-candidato a vereador, Pinto de Luna (PROS) afirmou que a disputa pela administração do município será fortíssima esse ano e apostou que “o pessoal virá com tudo”.

Laços fortes

O presidente do PROS em Alagoas, o deputado Bruno Toledo, relatou que estreitou seus laços de amizades com Rui Palmeira quando ainda era tucano. “O PROS tem ideais semelhantes ao que vem sendo desenvolvido pelo prefeito em Maceió. Por isso decidimos apoiar todo esse trabalho”, colocou ele.

 

 

Arapiraca

A Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas), por meio do Ação Estratégica do PETI (AEPETI) e da Rede Intersetorial de Combate ao Trabalho Infantil uma caminhada de conscientização ao enfrentamento e à erradicação do trabalho infantil na comunidade Mangabeiras.

 

Ação educativa

A ação, especialmente voltada aos catadores de material reciclável, teve como objetivo a mobilização e conscientização da população de Mangabeiras sobre os riscos que sofrem as crianças expostas não só aos resíduos, como também alertou a respeito da proibição do exercício de toda forma de trabalho por crianças e adolescentes abaixo da idade mínima legal permitida.

 

Campanha

A caminhada e panfletagem feita de porta em porta durou toda a manhã, que se repetirá no decorrer deste mês em outras comunidades. No próximo domingo, haverá o lançamento da campanha 12 de junho: “Não ao trabalho infantil na cadeia produtiva”. E no dia 13 será o Dia de Combate ao Trabalho Infantil.

 

São José da Lage

O promotor de Justiça Marcus Aurélio Mousinho, titular da Promotoria de Justiça de São José da Laje, emitiu parecer manifestando-se em desfavor da Mesa Diretora da Câmara de Vereadores daquela cidade. No documento, acostado a ação por ato de improbidade administrada ajuizada pela própria Prefeitura, o representante do Ministério Público Estadual de Alagoas (MPE/AL) informou que já havia instaurado um procedimento preparatório para apurar as acusações de nepotismo no Poder Legislativo e que, com base nos demais arquivos anexados aos autos pelo Município, ficou demonstrado que os parlamentares empregaram parentes e os remuneraram ilegalmente.

Não trabalhavam

O MPE/AL pediu ainda para ser transformado em polo ativo da ação, ou seja, para que o Judiciário permita que a instituição também seja autora do processo. Em seu parecer, Marcus Aurélio Mousinho pediu o afastamento, por 180 dias, de Carlos Antônio da Silva Nunes, José Carlos Diniz, Eraldo Pedro da Silva e João Machado da Silva, respectivamente presidente da Câmara Municipal, vice-presidente, 1º secretário e 2º secretário. “Nós já estávamos apurando a denúncia de prática de nepotismo e, inclusive, ouvimos uma servidora do Legislativo que confirmou que os parentes dos vereadores jamais deram um dia de expediente”.

As provas

Ao justificar seu parecer, a Promotoria de Justiça de São José da Laje alega que o ato de improbidade mais grave teria sido praticado pelo presidente da Casa, vereador Carlos Antônio da Silva Nunes. Ele teria nomeado a cunhada, Anayara Vichione da Silva, e José Moisés da Silva Júnior e Lenilson Pereira de Lima, porém, os dois últimos teriam sido liberados para trabalhar em empresas particulares. A cunhada exercia a função de tesoureira da Câmara.

 

Miss Mundo de Arapiraca

A Miss Mundo Alagoas, Jucyelly Pereira, arapiraquense de 21 anos, representará o estado no concurso Miss Mundo Brasil que acontece no dia 25 de junho, em Jurerê Internacional, Santa Catarina. A modelo, que já conquistou dois títulos em concursos de beleza, pretende vencer as candidatas e levar mais esse para casa. Jucyelle Pereira, natural do Sítio Breu, zona rural do município, iniciou o curso de administração de empresas, mas precisou trancar e está focada para concorrer ao título de Miss Mundo Brasil 2016.

Elegância e carisma

A Miss venceu o título em um concurso, coordenado por Gilberto Lyra, que destacou a elegância e o carisma da mulher alagoana. O evento aconteceu em Abril deste ano, na Ilha do Pirá, em Arapiraca.  O concurso é uma oportunidade para a jovem ingressar definitivamente na carreira de manequim e modelo. Ela pede a torcida e energia positiva de todos os alagoanos para trazer a faixa para nosso
estado.

 

 

… O julgamento do vereador Luciano Lucena de Farias, de Palestina (AL), acusado de matar Manoel Messias Simões, foi adiado para o dia 22 de agosto, às 13h. O réu não compareceu, e o juiz John Silas da Silva, titular da 8ª Vara Criminal da Capital, informou que o ele não chegou a ser intimado, porque não foi encontrado. O júri estava previsto para tarde desta quarta-feira (8).

..De acordo com o magistrado, também não houve tempo hábil para citação por edital. A Justiça vai tentar intimá-lo de novo, pessoalmente, e em seguida por edital, caso não seja encontrado. “Se ele for intimado e não comparecer, será decretada a sua prisão e o julgamento será efetuado”, explicou John Silas.

…O advogado do vereador, Sílvio Arruda, afirmou que o comparecimento prejudicaria o seu cliente, que pretende concorrer nas eleições de outubro. “Nas pesquisas de intenções de voto, ele é disparado o mais votado, e seria muito temeroso ele suprir o uma falha do sistema judiciário, por não tê-lo intimado, podendo tomar o prejuízo, porque condenado ou não, ele poderia sair daqui com um decreto de prisão, e seria a situação de ele nem poder ser candidato, o que seria injusto”.

 

 Sidinéia Tavares_ interina