Roberto Baia

29 de Abril de 2016

Fogo amigo

Após a polêmica do programa Escola Livre, onde os deputados derrubaram o veto do governador e aprovaram pela segunda vez – durante uma sessão tensa realizada na última terça-feira, 26, o projeto do deputado Ricardo Nezinho, não se pode deixar de observar a existência de uma verdadeira queda de braço nos bastidores da política arapiraquense.

 

Forças contrárias

Pré-candidato a prefeito pelo PMDB, Ricardo Nezinho, talvez não tenha percebido que dentro do governo da prefeita Célia Rocha, sua principal aliada, e até do próprio PMDB, existem forças contrárias que tentam derrubá-lo.

 

União importante

A sua união com Yale Fernandes tem sido fundamental para enfrentar o “fogo amigo”, disparado por políticos e assessores mal intencionados que pretendem se perpetuar no poder e veem em Ricardo Nezinho uma espécie de entrave para suas pretensões gananciosas. Nezinho sempre agiu com independência e age com firmeza nas suas ações.

 

 

“Anjos do mal”

É certo que até a data das convenções partidárias, um grupinho, já denominado de “Anjos do Mal”, continue mostrando as garras, na tentativa desesperada para tirar o deputado do páreo e, assim, poder apoiar um nome que garanta a sobrevivência do “bando”, que tem usado as redes sociais para disseminar maldades contra o deputado. Pelo menos, Ricardo Nezinho e Yale Fernandes estão mais do que unidos, um fato positivo para enfrentar o “fogo amigo” e os adversários políticos que estão se articulando para disputar as eleições do dia dois de outubro próximo.

 

Um absurdo

O frigorifico Frigovale continua provocando problemas para o meio ambiente desde o seu funcionamento, no inicio deste ano, em Arapiraca. Na próxima terça-feira, 03, às 15h, está confirmada a realização de uma audiência pública, no plenário da Câmara Municipal, para discutir os transtornos para milhares de moradores e que estão sendo provocados pela empresa privada.

Sangue e restos de animais, que são abatidos diariamente, estão sendo jogados em lagoas de decantação, o causador do mau cheiro.

 

Audiência pública

A audiência pública, proposta pela  vereadora Fabiana Pessoa (PRB), devem  participar o secretário municipal de Meio Ambiente, Ivens Leão, o secretário municipal de Agricultura, Rui Medeiros, representantes do Ministério Público Estadual, Vigilância Sanitária, os dirigentes da Frigovale, representante dos moradores do conjunto Brisa do Lago e os vereadores arapiraquenses.

 

Prejuízos e doenças

Entre os assuntos a serem discutidos no encontro, estão os prejuízos apontados pelos marchantes, como também, o mal cheio que exala dos tanques de depósito de resíduo orgânico do frigorífico e gera poluição, forte mau cheiro para os moradores do Conjunto  Brisa do Lago, que estiveram recentemente na Câmara Municipal de Arapiraca, pedindo aos vereadores o apoio para suas reivindicações.

De acordo com o pastor Marcelo, líder comunitário, o mau cheiro da Frigovale  tem deixado várias pessoas doentes, que recorrem aos hospitais públicos para se tratarem.

Trabalhador de Arapiraca

A programação festiva pela passagem do Dia do Trabalhador teve início na manhã desta quinta-feira (28), com um café da manhã na sede da Casa Integrada do Trabalho, em Arapiraca. Centenas de trabalhadores e trabalhadoras participaram das atividades. Na ocasião a secretária de Comércio e Serviços, Myrka Lúcio, destacou o quanto a cidade cresceu e gerou milhares de empregos em Arapiraca.

 

Tapera

 Os moradores de São José da Tapera receberam esta semana o mutirão da Justiça Itinerante. Coordenada pelo desembargador Domingos Neto, a ação realizou 110 sentenças de conciliação nesta semana. Para o projeto foram designados cinco magistrados que conduziram as audiências.  De acordo com o magistrado responsável pela ação foi atingido um percentual de 55% de conciliações.

Prevenção à violência

A promotora de Justiça da 38ª Promotoria de Justiça da Capital, Maria José Alves da Silva, ministrou nesta quinta-feira (28) a palestra “O trabalho no Juizado da Violência Doméstica e Familiar contra a mulher: dificuldades e desafios”, que integra o quarto módulo do Curso de Capacitação para Prevenção da Violência contra a Mulher, realizado pela Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas (Uncisal), por intermédio da Pró-reitoria de Extensão e em parceria com a Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres da Presidência da República.

 

… O Instituto do Meio Ambiente (IMA) interditou, quarta-feira (27), o lixão do município de Rio Largo por funcionar de forma irregular, dispondo os resíduos a céu aberto, sem proteção, o que acaba atraindo aves e apresentando risco para o controle de tráfego aéreo, já que o depósito fica nas proximidades do Aeroporto Internacional Zumbi dos Palmares.

 

…A prefeitura tem até 20 dias para regularizar a situação. Durante esse período, o município deve procurar o IMA e apresentar uma solução. A ideia é que o lixo recolhido na cidade seja direcionado para a Central de Tratamento de Resíduos (CTR) de Pilar.

 

 …Caso a prefeitura não apresente uma solução dentro do prazo estipulado, o IMA encaminhará uma cópia da documentação para os ministérios públicos Federal e Estadual, que devem ajuizar uma ação civil pública.