Flávio Gomes

19 de Março de 2016

Epílogo

Do jornalista Ilimar Franco, em “O Globo”: “Os dirigentes da oposição fizeram uma avaliação da chapa que está sendo eleita para a Comissão do Impeachment na Câmara e já comemoram a aprovação da destituição da presidente Dilma (PT). A oposição ez as contas e concluiu que dos 61 integrantes da Comissão, 35 deles foram indicados pela oposição e pelos partidos intermediários. Esse grupo de partidos é da base do governo, mas estaria se descolando da base do governo diante dos fatos. Essa circunstância está expressa na chapa para a presidência e relatoria da Comissão, integrada pelos líderes do PSD, Rogério Rosso, e Jovair Arantes (PTB). Os dois partidos integram a base do governo Dilma e ocupam os ministérios das Cidades, Gilberto Kassab (PSD), e da Indústria e Comércio, Armando Monteiro (PTB). Para a oposição, aprovado o impeachment na Comissão, o governo não conseguiria os 171 votos necessários para barrá-lo. Se aprovado na Câmara, o tema será submetido ao Senado. Os senadores terão de dizer se acham procedente a decisã dos deputados e se essa posição vencer será instalado um processo para avaliar a destituição da presidente. Nesse caso, Dilma teria de deixar o cargo até a conclusão do julgamento e assumiria a presidência da República o vice Michel Temer (PMDB).”

Argumento

De Renan Calheiros, que não foi à posse de Lula: “Não tenho ido às posses. Como presidente do Congresso Nacional, minha função é institucional. E nada que possa derivar para uma participação política ou partidária merece ter o meu prestigiamento. Senão, do ponto de vista do Congresso, estaremos embaçando o meu papel”. 

  

Berlinda 

O deputado federal Maurício Quintella é o único de Alagoas que integra, como titular, a comissão que analisará o pedido de impeachment da presidenta Dilma Rousseff. O que lhe garante holofotes enquanto durar o processo. Se isso lhe será favorável ou não, vai depender da sua posição e da repercussão junto à opinião pública. 

  

Nova ordem  

O fato de a prefeita Célia Rocha reassumir a Prefeitura de Arapiraca, após licença, não significa, necessariamente, que irá disputar a reeleição. Hoje, dá-se como certo que ela não irá concorrer, por estar desmotivada e mal situada nas pesquisas de opinião. Seu grupo já trabalha com outras possibilidades, até fora da parceria PTB/PMDB. 

Decidido 

Apesar de o grupo de oposição em Arapiraca ter praticamente fechado com Rogério Teófilo, não falta quem provoque o deputado Rodrigo Cunha, também do PSDB, para ser o candidato indicado para enfrentar a situação. Rodrigo mantém o título de eleitor no município, mas tem reafirmado o seu apoio a Rogério Teófilo. 

Faixa própria

Quem corre em faixa própria, como via alternativa à polarização situação-oposição em Arapiraca, é o deputado estadual Tarcizo Freire, sempre liderando pesquisas de intenção de votos na disputa pela prefeitura este ano. Desprezado pelo grupo de oposição, agora está filiado ao PP, presidido em Alagoas pelo senador Benedito de Lira.

 

Debate

A Comissão de Mulheres do Sindicato dos Jornalistas de Alagoas realiza hoje, no Parque Municipal de Maceió, às 9 horas, uma roda de conversas sobre “A mulher no Jornalismo em Alagoas”, com participação de Elvira Barreto, doutora em Jornalismo e Ciência da Comunicação. Carla Cerqueira e Fátima Almeida serão facilitadoras.

Troco 

Ministro Celso de Melo, do STF, sobre declarações do ex-presidente Lula sobre o Poder Judiciário: “Traduz, no presente contexto da profunda crise moral que envolve os altos escalões da República, reação torpe e indigna, típica de mentes autocráticas e arrogantes que não conseguem esconder o temor pela prevalência do império da lei”.

 

 

* Editorial da “Folha” questiona a decisão do juiz Sérgio Moro de divulgar conversas gravadas entre a presidente Dilma e o ex-presidente Lula: “Não cabe a um magistrado ignorar ritos legais a fim de interromper o que sem dúvida representa um mal maior”.

* O II Congresso Alagoano de Ciências Criminais acontece hoje, às 13 horas, no Centro de Convenções de Maceió. São conferencistas o juiz Alberto Jorge Correia de Barros Lima e os advogados Fernando Falcão, Welton Roberto e Bruno Barros.  

*Mais uma sessão gratuita de exercícios de ioga e pilates, organizada pelos integrantes do Oxente Relaxe, ocorre hoje no Parque Municipal de Maceió, das 9 às 10 horas. Não há limite de idade nem de vagas. É chegar e participar, gratuitamente. 

*De hoje o dia 27 o Museu do Videogame Itinerante será uma atração para os clientes do Parque Shopping, com Telejogo, Atari, Nintendinho, Master System, Mega Drive, Super Nintendo, PlayStation 4, Xbox One e Wii U. Haverá desafios Just Dance. 

* A Faculdade de Nutrição da Ufal promove hoje o 1° Simpósio Trato Gastrointestinal: Uma perspectiva multidisciplinar, no auditório do Centro de Formação Profissional Gustavo Paiva do Senai, no Poço. Abertura às 8 horas. Inscrição a partir de R$ 50,00.

*A sessão “Primeiro no Arte” deste final de semana, no Cine Arte Pajuçara, é o longa metragem “O Gigantesco Imã”, sobre vida e obra do inventor e cientista popular Evangelista Ignácio de Oliveira. Hoje e amanhã, às 14h40m. Classificação livre.

*A abertura do hexagonal do Campeonato Alagoano 2016 será hoje, às 16 horas, no Estádio Rei Pelé, quando o CRB, que vem de derrotas para CSA (4×1) e CSE (1×0), vai enfrentar o Coruripe. Nova derrota poderá mudar muita coisa no clube.

 

“Que interesse público pode sustentar a nomeação para ministro de Estado de um cidadão investigado pela Justiça sob a suspeita de corrupção e de ocultação de patrimônio?”

Ricardo Noblat

Jornalista