Blog do Dresch

7 de Fevereiro de 2016

O cofre secreto de Pablo Escobar

                   Uma mansão em Miami que pertenceu ao traficante colombiano Pablo Escobar e que foi demolida para abrigar um prédio, trouxe uma surpresa às equipes de busca: eles encontraram um cofre secreto escondido debaixo de uma fundação na entrada do prédio. O cofre, com mais de 200 quilos, foi encaminhado a um banco até que seja expedida uma decisão judicial para abri-lo. A mansão, adquirida por US$ 10 milhões tem 680 m2. No inicio do processo de demolição as equipes encontraram um pacote com conteúdo branco e pastoso, que esta sendo analisado e outro cofre menor, que foi roubado antes de ser aberto.

Agenda contra o vírus Zika

                   Seguindo as orientações dos presidentes Barack Obama dos Estados Unidos e Dilma Rousseff do Brasil, o ministro da Saúde brasileiro, Marcelo Castro e a Secretária de Saúde dos EUA, Sylvia Burbell reafirmaram a realização de uma agenda conjunta no combate ao mosquito Aedes aegypti. Eles participaram de uma teleconferência esta semana onde acertaram alguns pontos comuns. Castro e Sylvia pretendem buscar cooperação para o desenvolvimento de pesquisa para diagnósticos, vacina e tratamento contra o vírus Zika. Além disso, sem comprometeram em acelerar as investigações em curso sobre infecções causadas por arbovírus, relacionadas aos casos de microcefalia e de Síndrome de Guillain-Barré. Segundo o Ministro brasileiro, o Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos, também se colocou á disposição para trabalhar nos aspectos do combate ao mosquito. O orgão norte-americano tem atuado em parceria com o Ministério da Saúde do Brasil, desde que o país decretou emergência de saúde pública, em 11 de Novembro. A reunião por teleconferência desta semana é decorrência do encontro entre os dois presidentes quando ficou acertado o enfrentamento da doença em conjunto pelos dois países. Já ficou marcada uma nova reunião, para o dia 20 de Fevereiro, com a participação de técnicos do National Institute of Health, do CDC e técnicos do Ministério da Saúde do Brasil, Instituto Evandro Chagas, Fundação Osvaldo Cruz, Instituto Butantan e outros especialistas convidados.


Ingressos das Olimpíadas

                   Já foram vendidos 75% dos ingressos para as Olimpíadas deste ano, segundo anúncio feito pelo Comitê Organizador Rio 2016. As competições acontecem de 5 a 21 de Agosto e já foram vendidos 2,75 milhões de bilhetes para assistir as disputas olímpicas, que incluem 42 esportes. Já para a Paralimpíadas, foram comercializados 330 mil ingressos, cujos jogos acontecerão de 7 a 18 de Setembro. Os estados que mais compraram tíquetes foram Rio de Janeiro, São Paulo, Bahia e Distrito Federal. As modalidades olímpicas mais procuradas são futebol, basquete, vôlei e atletismo. Os preços variam entre R$ 10 a R$ 100 dos ingressos restantes.

Aquisição de alimentos

                   Uma reunião realizada na sede da Emater definiu as novas metas do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), assim como as entidades que vão atuar na operacionalização e execução do Programa. O investimento garantido pelo Ministério do Desenvolvimento Social é de R$ 6,7 milhões, beneficiando 1.050 famílias de produtores rurais de Alagoas, além de 320 organizações e entidades que vão receber os alimentos adquiridos neste primeiro semestre de 2016. O programa totalmente reformado será lançado oficialmente em Março com a presença do governador Renan Filho.

Aquisição de alimentos 2

                   Para o diretor-presidente da Emater, Carlos Dias, o PAA tem uma importância fundamental para a economia e para a produção agrícola no Estado. “Serão mais de mil famílias que terão sua produção adquirida a um preço justo, e destinada a 320 instituições que receberão estes alimentos. O segmento agrícola terá um incremente financeiro importante, além de atender no aspecto social a quem precisa destes alimentos” explicou Dias. Neste mês de Fevereiro será feito o levantamento e a atualização cadastral dos agricultores produtores e das instituições beneficiadas. O lançamento deverá acontecer até o dia 7 de Março.

O Papa e o Nobel da Paz

                   Pelo quarto ano consecutivo, o Papa Francisco esta entre os indicados para receber o prêmio Nobel da Paz. Desta vez a indicação ao comitê norueguês responsável por conceder a honraria, foi feita pelo arcebispo sul-africano Desmond Tutu, que inclusive foi agraciado com a honraria em 1984, pela sua luta com o regime do Apartheid no seu país. As indicações tinham que ser apresentadas até a última segunda feira (1º) e inclui também a iraquiana Nadia Murad, símbolo das mulheres violentadas pelos jihadistas do Estado Islâmico e a equipe feminina da Federação dos Ciclistas do Afeganistão, apoiada por 118 parlamentares italianos.

O Papa e o Nobel da Paz 2

                   Por outro lado o comitê norueguês que indica o vencedor recebeu um abaixo assinado de 600 mil pessoas, pedido que o Nobel da Paz deste ano seja entregue aos habitantes das ilhas gregas que acolheram milhares de imigrantes em fuga da Síria. Nos três anos anteriores, o papa Francisco era tido como um dos favoritos para levar o prêmio, mas acabou perdendo em 2013 para a Organização para a Proibição de Armas (Opac); para o indiano Kailash SWatyarthi e a paquistanesa Malaia Yousafzai em 2014 e para o Quarteto de Diálogo Nacional da Tunísia, em 2015.

 

 

  • Uma pesquisa realizada pelo instituto Data Popular mostrou que o brasileiro considera que corrupto sempre é o outro. Apenas 3% das 3,5 mil pessoas entrevistadas afirmam ser corruptos, mas 70% admitem ter tomada pelo menos uma “atitude corrupta” na vida e 80% dizem conhecer alguém que cometeu algo ilegal.
  • Comprou algum produto pirata? 67% dizem que sim. Recebeu troco a mais e não devolveu a diferença? 21% admitem que sim, e 46% dizem que não, mas que conhecem alguém eu o tenha feito.
  • Pagou propina a um policial ou agente de fiscalização? Só 7% confirma a malandragem, mas 19% conhecem alguém que subornou.
  • Declarou ou deixou de declarar algo para a Receita visando a restituição? Apenas 1% admite, mas 15% conhecem alguém que faz isso sistematicamente.
  • O Data Popular concluiu que a corrupção esta enraizada a tal ponto, que o brasileiro não se percebe como corrupto. “Se acha isento nas pequenas corrupções de que se beneficia e critica as grandes, nas quais se acha lesado”.