Blog do Dresch

23 de dezembro de 2015

Crédito alivia usinas alagoanas

                   O Governo do Estado reuniu dirigentes do setor sucroenergético do Estado, ontem pela manhã no Palácio República dos Palmares, para anunciar oficialmente a concessão do aval do governo federal para um crédito internacional de US$ 300 milhões (em torno de R$ 1,2 bilhão) para as usinas alagoanas. O anúncio foi feito pelo governador Renan Filho e pelo secretário de Agricultura, Álvaro Vasconcelos. Os recursos serão destinados por um banco internacional, tendo como garantia as cotas de exportação de açúcar do Brasil para os Estados Unidos. A operação será feita por intermédio do Fundo de Garantia à Exportação e dará suporte para a próxima safra da cana.

Crédito para usinas 2

                   O secretário Álvaro Vasconcelos lembrou que a operação acontece em um momento de grandes dificuldades para o setor, que enfrenta a crise nacional, a estiagem e a falta de incentivos federais. “O setor passa por um contexto de dificuldades que reflete em vários setores da economia. Com esta operação de crédito, as usinas poderão operar com mais tranquilidade e os fornecedores de cana-de-açúcar também serão beneficiados, assim como toda a economia alagoana”. Para o governador Renan Filho a operação de crédito alivia o segmento no estado e proporciona á cadeia produtiva da cana-de-açúcar uma nova perspectiva para 2016.

Dilma quer metas realistas

                   Ao empossar o novo Ministro da Fazenda, Nelson Barbosa, e do Planejamento, Orçamento e Gestão, Valdir Simão, a presidente Dilma Rousseff pediu a ambos que trabalhem com metas realistas e factíveis e que façam o que for preciso para retomar o crescimento do país. “Três orientações imediatas eu levo aos ministros da área econômica: trabalhar com metas realistas e factíveis para construir credibilidade, atuar para estabilizar e reduzir consistentemente a dívida pública e fazer o que for preciso para retomar o crescimento sem guinadas e sem mudanças bruscas atuando neste ambiente de estabilidade, previsibilidade e flexibilidade. Desejo muita sorte aos ministros e tenho plena confiança na sua capacidade. Espero, Nelson e Valdir, que vocês se saiam bem nas tarefas urgentes e sejam vitoriosos na construção das bases para um novo ciclo de crescimento sustentável” afirmou Dilma. A Presidente acrescentou que o governo perseguiu em 2015 uma estratégia de estabilização fiscal que continuará guiando sua administração “nos próximos anos com metas realistas e transparentes”. E continuou “precisamos ir além da tarefa de cortar gastos e colocar s contas em dia, estabelecendo prioridade também para a retomada do crescimento e construção do ambiente de confiança favorável a ampliação dos investimentos. Ainda há tarefas importantíssimas da fase de arrumação das contas públicas. Há medidas imprescindíveis sem as quais o equilíbrio não será mantido” disse a Presidente.

 

Médico pedófilo

                   Uma operação internacional de combate á pedofilia resultou na prisão de várias pessoas, inclusive de um médico de 29 anos, de Uberaba em Minas Gerais. A quadrilha desbaratada foi considerada uma das mais perversas e era liderada pelo australiano Peter Gerald Scully, preso em Fevereiro pela polícia filipina. O australiano é acusado de rapto, estupro, tortura e assassinato. Parte do material era feito por encomenda, e tinha como vitimas, crianças de rua filipinas. Entre os financiadores dos vídeos estava o médico brasileiro. A aproximação entre os dois teve inicio em 2012, quando o médico ainda estudava medicina, e envolvia ainda uma mulher filipina.

Médico pedófilo 2

                   A partir dos financiamentos obtidos, o australiano e a filipina produziam vídeos e fotos onde as crianças eram abusadas e violentadas sexualmente. Os financiadores recebiam o material produzido. Um dos vídeos, considerados pelos investigadores como “um dos registros mais degradantes de pornografia infantil de todo o mundo” envolve uma criança de 18 meses, torturada e violentada sexualmente. Há vários registros com diversas crianças, sendo que uma delas foi torturada e morta, enterrada na cozinha da casa utilizada para a prática dos crimes. O médico brasileiro, cuja identidade não foi revelada pela Polícia Federal, foi preso em uma unidade de pronto atendimento de Uberaba e vai responder por guarda e publicação de pornografia infantil e por financiamento de organização criminosa internacional.

Fungos provocam Alzheimer

                   Pesquisadores da Universidade Autônoma de Madri, concluíram que a doença de Alzheimer poderia ter origem em fungos. Uma equipe de cientistas do Centro de Biologia Molecular (CBM) encontrou elementos característicos dos fungos, como hifas e fermentos, em 14 amostras de cérebros de pacientes vitimas da doença. Os restos de fungos foram detectados através de imunofluorescência, uma técnica que destacou as proteínas fúngicas. Para os cientistas, tudo indica que nas amostras de cérebro de pessoas falecidas por Alzheimer aparecem entre 10 e 15 espécies de fungos, que estão repartidas de maneira homogênea.

Fungos provocam Alzheimer 2

                   Ainda de acordo com os pesquisadores, o cérebro pode ter vírus, bactérias, fungos, protozoários ou vermes, que podem chegar até ele através de infecções. Uma vez na corrente sanguínea, eles podem se disseminar a orgãos e ao cérebro. Isso pode ser possível ao longo de muitos anos e em função de diversos fatores, como baixa no sistema imune e o tipo de dieta. Mas essa conclusão não significa que as pessoas que têm micose em mucosas ou na pele vão ter Alzheimer, já que a imunidade inata é a primeira barreira para impedir que estas infecções passem ao resto do corpo. Os cientistas, contudo, ainda terão de trabalhar muito para comprovar se esta é, de fato, a única causa.

 

  • Consumidores inscritos no programa Nota Fiscal Alagoana aguardam um posicionamento da Secretaria da Fazenda sobre a reposição dos créditos obtidos neste ano de 2015 para o devido direcionamento.
  • Os créditos são depositados na conta dos consumidores que exigem o registro do CPF na nota fiscal em cada compra.
  • Segundo o programa, o crédito pode ser utilizado pelos consumidores como depósito em conta corrente ou redução no IPVA ou para doação a uma instituição de caridade.
  • Mas isso deve ser feito até o final do exercício, no caso, em 31 de Dezembro.
  • A expectativa dos trabalhadores na educação é que “as sobras” do Fundeb possam ser liberadas pelo Estado até o último dia do ano, evitando que a demora se prolongue para Janeiro do próximo ano.
  • São cerca de R$ 73 milhões a serem rateados por mais de 15 mil trabalhadores da educação no Estado.