Blog do Dresch

5 de dezembro de 2015

Lula considera loucura o impeachment

                  O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse estar indignado com o deferimento do pedido de impeachment da presidente da República. Para ele, Cunha colocou seus interesses pessoais acima dos interesses do país, e o melhor é que haja uma solução rápida para o processo. “A tarefa maior neste instante é não permitir que essa loucura que o Eduardo Cunha fez tenha prosseguimento. Precisa decidir isso logo. Se a gente for esperar passar Natal, passar Carnaval, qual será o clima político neste país? Qual o investidor que vai querer investir no Brasil? Qual empresário brasileiro vai querer colocar dinheiro na economia?”. O ex-presidente cobrou união para o País sair da crise. “Se a economia não voltar a andar, em casa que não tem pão, todo mundo briga e ninguém tem razão” afirmou Lula.

Lula considera loucura 2

                   Lula aproveitou o momento para criticar a oposição, que para ele ainda insiste no “terceiro turno” das eleições de 2014. “Aqueles que querem fazer o terceiro turno das eleições para cassar o mandato da presidente Dilma através do impeachment, sem qualquer sustentação legal, apenas demonstram raiva e ódio”, afirmou Lula, completando que fez oposição a vida inteira, mas que “vocês não viram uma única vez em que perdi as eleições, eu ficar criando caso por causa das eleições”. Ele voltou a pedir foco na aprovação de propostas de ajustes no Congresso, necessárias para a retomada do crescimento da economia.

 

Vingança e insensatez

                   A revista britânica “The Economist” publicou em seu site um texto em que critica o processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff. “A ação de (Eduardo) Cunha é falha e ameaça afundar mais o Brasil na lama” diz o texto da revista. Anteriormente a publicação já havia dito que o Brasil encontrava-se em um “atoleiro”. Sem deixar de criticar a presidente Dilma, a revista classificou a decisão de Cunha como um ato de vingança pessoal. “Ele agiu horas depois que três petistas da Comissão de Ética afirmaram que iriam votar para removê-lo do Congresso”, disse o texto, mencionando que o presidente da Câmara é investigado por procuradores por suspeita de cobrar propina no esquema da Petrobrás. “Rousseff merece ser punida por sua irresponsabilidade fiscal, mas isso é uma tecnicalidade. Em uma democracia, o impeachment é a arma suprema: deve ter uma sólida base legal e política”. O texto diz ainda que a presidente Dilma perdeu o controle do Congresso e tem dificuldades para aprovar as matérias de interesse do governo. A revista afirmou ainda que o impeachment servirá como distração a um governo que já encontrava-se distraído e defendeu que Dilma merece mais alguns meses para arrumar a situação. “Se falhar, haverá mais argumentos para persuadi-la a renunciar pelo bem do país. Ao agir muito cedo e com base em argumentos fracos, Cunha pode ter dado vida mais longa a uma presidente fraca e destrutiva”.

 

CNBB defende Dilma

                   A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), através da sua Comissão Brasileira Justiça e Paz, criticou o presidente da Câmara, Eduardo Cunha por ter autorizado a abertura do processo de impeachment contra a presidente Dilma. A CNBB diz estar com “imensa apreensão” com a atitude de Cunha, uma vez que os fundamentos carecem de subsídios que regulem a matéria. Para a entidade católica, Cunha agiu por interesse pessoal. “O impedimento de um Presidente da República ameaça ditames democráticos, conquistados a duras penas”.

Destaques turísticos

                   Maragogi e Maceió foram incluídos entre os dez destinos domésticos mais procurados pelos turistas neste verão. A escolha aconteceu através do site de dicas de viagem do mundo TripAdvisor, um dos mais conceituados componentes do turismo mundial. Para a Secretária do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Jeanine Pires, esse é o reflexo do trabalho de divulgação dos destinos turísticos alagoanos, somado ás próprias belezas naturais, á hospitalidade do povo, a gastronomia diferenciada e um novo conceito de artesanato.

Destaques turísticos 2

                   De acordo com o levantamento realizado pelo site citado, as escolhas aconteceram em função da procura dos viajantes brasileiros a partir de Novembro de 2015 até Março de 2016. Os dez principais destinos escolhidos foram: Gramado (RS), Rio de Janeiro, Maragogi (AL), Florianópolis, Porto de Galinhas (PE), Natal (RN), Maceió, Porto Seguro (BA), Fortaleza e Búzios (RJ). O levantamento incluiu ainda o preço médio de uma viagem de uma semana com os valores da hospedagem, passagem aérea, refeições e atrações.

Teste de Aids mais fácil

                   A partir do primeiro semestre do próximo ano, o autoteste para detecção do vírus HIV, vai estar à venda nas farmácias do país, segundo garantia do Ministro da Saúde, Marcelo Castro. A Anvisa já publicou as regras para o registro do autoeste e dessa forma, o Brasil será um dos poucos países a adotar a estratégia. A partir de então as pessoas poderão realizar o teste em casa, e se tiver o vírus vai precisar de confirmação para iniciar o tratamento, que é disponibilizado gratuitamente pelo governo federal em todos os postos de saúde do país. Ainda segundo a resolução, os autotestes poderão ser disponibilizados por farmácias, drogarias, postos de medicamentos e serviços de saúde, ou em programas de saúde pública.

 

 

  • Uma alerta mundial foi emitido pela Organização Mundial da Saúde (OMS), para que os 140 países membros reforcem a vigilância para o eventual crescimento dos casos de infecção provocados pelo Zika vírus.
  • O comunicado cita diretamente o aumento do nascimento de bebês com má formação e de casos da síndrome de Guíllain-Barré, identificados no Brasil.
  • O documento pela primeira vez reconhece a ligação entre o vírus e o crescimento de casos dessas doenças, e sugere que os países fiquem em alerta para a necessidade de ampliar os serviços de atendimento e de cuidados específicos a recém-nascidos, o que já vem sendo feito nos estados do Nordeste.
  • O alerta da OMS cita ainda o aumento dos casos de microcefalia no Brasil, como um dos fatores que levaram a entidade mundial a atualizar suas recomendações sobre a doença.
  • Outras recomendações sugeridas pela entidade é de que as gestantes procurem se proteger contra o vírus, utilizando proteção de telas para evitar a presença do mosquito vetor do vírus no interior das casas.