A Palavra em palavras

29 de novembro de 2015

MARIA GASOLINA DO NATAL

Maria Gasolina do Natal

Por Alisson Francisco

Maria Gasolinao tempo passaMaria Gasolina é aquela mulher cujo primeiro critério para atrair-se por alguém é o poder aquisitivo. Maria Gasolina é aquela que olha o carrão e já se interessa por seu proprietário. Mulher Gasolina é, portanto, aquela cujo poder aquisitivo é o preconceito de sua escolha, ou seja, o poder aquisitivo é o objeto atrativo de suas primeiras decisões.

Em certo sentido, da mesma forma, mulher gasolina é todo aquele ser humano cuja comemoração do Natal depende do presente que recebe!

Jesus Cristo cura e salvaOra, o verdadeiro sentido do Natal é a comemoração do nascimento do Salvador Jesus Cristo. De sorte que deixar de alegrar-se e comemorar o Natal por não ter recebido um presente satisfatório de alguém é esquecer-se que o maior dos presentes é a salvação dada por Cristo aos que O amam. É deixar de amar o Amor porque alguém não agradou suficientemente, é trocar o amor pelo egoísmo do satisfazer-se com um bem material.

NatalReduzir, pois, a própria alegria no Natal a um mero recebimento de presente é declarar que se alegra mais com um presente no tempo do que com a doação da felicidade eterna!

NatalDa mesma forma, aquele que se alegra com um presente acima da alegria de Cristo inverte a ordem das alegrias, vibrando mais com a alegria do tempo do que com a alegria cristocêntrica. O cristão não pode trocar a alegria eucarística pela alegria temporal.

Não há maior presente natalino do que receber o próprio Cristo!

No tempoOra, já parou para perceber quantas vezes preferimos outras alegrias à alegria eucarística? Quantas vezes um abraço ou uma sensação humana, na prática, acabam pesando mais do que a alegria de uma Confissão e uma Comunhão bem feitas? Acaso, quantas vezes se foi deixado de ir a uma Santa Missa e comungar para escolher outras coisas? Independentemente, de se essas outras coisas são a palavra bonita de um pastor protestante, a amizade de alguém ou o mesmo o sexo, em alguns casos. Na verdade, em tudo isso, se preferiu as sensações do mundo às sensações do Céu! Não é o sorriso ou as alavras bonitas que deve ser o nosso atrativo, mas a Verdade Eucarística! Ou seja, Jesus Cristo, Que Se fez verdadeiro Pão.

Maria Gasolina é um termo irônico, no qual usa o nome Maria como um nome genérico para se referir, genericamente, a todas as mulheres movidas ao poder aquisitivo. Assim, Maria Gasolina do Natal é toda pessoa que motiva sua comemoração natalina em bens materiais, em vez da alegria salvífica do Cristo, verdadeiro motivo do Natal.

  

verdadeiro NatalEis, pois, que neste tempo, dediquemo-nos mais a Cristo para bem recebê-Lo no Natal.

A todos um santo Advento!

Paz e Bem!

Maceió, 29 de novembro de 2015.

Alisson Francisco Rodrigues Barreto, AMME1

1AMME, Amigos Marianos Missionários da Eucaristia. Alisson Francisco Rodrigues Barreto é poetá, filósofo, bacharel em Direito, pós-graduado em Direito Processual. É o autor do blog A Palavra em palavras, desde 2011.