Blog do Dresch

22 de novembro de 2015

Papa mantém viagem a Africa

                   O Vaticano anunciou que não vai mudar os planos da viagem do Papa Francisco para a África a partir do próximo dia 25, em função da série de atentados ocorridos em Paris e também em alguns países africanos. O Pontífice visitará o Quênia, Uganda e a República Centro-Africana (RCA), que esta última é a que mais preocupa os serviços de inteligência por causa dos constantes conflitos internos. A comitiva do papa retorna ao Vaticano no dia 30. O porta-voz, Padre Frederico Lombardi, voltou a afirmar que a ida a Africa sempre foi muito desejada pelo Papa e que não há motivos para o cancelamento ou mudança de planos.

Papa mantém viagem 2

                   Um dos pontos mais aguardados desta ida do papa Francisco a África é a sua participação na abertura da “primeira Porta Santa” do Santo Ano Extraordinário, no dia 29 de Novembro, na capital da RCA, Bangui. O simbolismo do ato é antecipar o inicio de um dos eventos mais importantes do catolicismo, o Jubileu, que esta programado para o dia 8 de Dezembro, em Roma. O Vaticano rebateu qualquer “sensação de medo” nesta viagem e que a segurança do Papa trabalha em conjunto com as Nações Unidas. Esta será a quinta peregrinação internacional do Papa Francisco neste ano de 2015 e a 11ª do seu Pontificado.

 

Face supera humanos

                   A afirmativa é do fundador da Rede Social Facebbok, Marck Zuckerberg: “O Facebook será muito melhor do que os seres humanos na visão, audição, linguagem e cognição, em geral em uma década”. Ainda tirou onda dizendo que não existe interesse no paladar e no olfato “por enquanto”. Fontes indicam que a Rede Social pretende usar a inteligência artificial em todos os seus produtos para tarefas simples, como a identificação de amigos em fotos dos usuários, e complexas, como a reserva de mesas em restaurantes, por exemplo. A empresa pode usar a tecnologia ainda para entender as grandes quantidades de informações dos usuários e antecipar sobre o que eles desejam e aprender melhores respostas para interagir com as pessoas. Uma das principais aplicações da inteligência artificial é a assistente pessoal da companhia, conhecida por M. Ela esta disponível para um pequeno grupo de usuários e pode realizar algumas tarefas como negociar com empresas de TV a cabo para cancelar o serviço, resolver problemas e até obter descontos, sem que o usuário precise ligar para a empresa, recuperar itens perdidos em uma viagem a um país onde os moradores falem outra língua e ainda planejar férias, voos e casamentos. “A beleza dos sistemas de inteligência artificial é que podemos obter uma escala grande o suficiente para implantar isso em todo o planeta” garante o pessoal do departamento de tecnologia do Facebook.

 

As punições ambientais

                   De Janeiro a Outubro deste ano, a Secretaria Municipal de Proteção ao Meio Ambiente emitiu mais de mil infrações, segundo balanço feito pelo orgão através da sua Coordenação de Fiscalização. Em todos os casos houve irregularidades que são punidas pelo Código Municipal de Proteção ao Meio Ambiente. Entre as infrações mais comuns estão a ausência de licença ambiental, desmatamento, aterros clandestinos, reincidência de autuações, construções irregulares, assoreamento de rios e córregos, queimadas, transporte de material de construção e apropriação de áreas de preservação.

As punições ambientais 2

                   Em segundo lugar no ranking das infrações esta a utilização do esgoto clandestino, que motivou a emissão de 952 intervenções em estabelecimentos comerciais, residências, hotéis e bares, além do próprio sistema coletor de saneamento da capital. A poluição hídrica na capital mereceu 551 autuações, a poluição sonora outras 230, mesma quantidade de registros de poluição atmosférica, 40 empreendimentos interditados e 168 notificações diversas. A Secretaria garante que dará sequência a apuração das denúncias e punirá energicamente as infrações cometidas.

Celular ataca a pele

                   O metal presente nos aparelhos celulares pode causar problemas dermatológicos nas bochechas, orelhas e dedos. Coceira e vermelhidão podem se tornar comuns segundo pesquisa realizada pela Associação Britânica de Dermatologistas, que acaba de divulgar um estudo salientando para o problema. A chamada “dermatite do celular” é provocada pela presença do níquel, metal comum na natureza, mas cuja composição pode desencadear reações após o uso prolongado, já que é um metal de “         alto potencial alérgico” diz o estudo britânico.

Celular ataca a pele 2

                   O níquel pode ser encontrado com frequência nas ligas metálicas de aparelhos, capas de proteção e botões dos celulares, sobretudo nos modelos mais modernos. Além do níquel, outras substâncias como a borracha e a pintura do celular podem causar irritação. O toque contínuo, por horas e dias seguidos, teria o efeito de causar manchas vermelhas, placas na pele e coceira insistente. Vale ressaltar que o celular não é o único vilão nos problemas que afetam a pele. Cintos, bijuterias, pulseiras, botões de calças jeans também contém níquel e podem afetar a pele. No Brasil, a legislação não condena o uso de metais em produtos industrializados, por isso vale a dica dos especialistas: quanto menor o tempo de uso e o de exposição, melhor para a pele.

 

 

  • Os recentes ataques terroristas dos jihadistas do Estado Islâmico em Paris, há uma semana, não mudarão os planos para a realização da Conferência do Clima, na França, a partir do próximo dia 30.
  • Tanto assim que o governo francês já recebeu a confirmação da presença de 137 chefes de estado que estarão em Paris discutindo as alterações climáticas do planeta, no evento batizado de COP21.
  • O anúncio da presença dos chefes de estado foi feita pelo ministro francês dos Negócios Estrangeiros, Laurent Fabius.
  • No primeiro dia, os líderes vão proferir os seus discursos e, no total, participarão, por meio de delegações e associações, 40 mil pessoas, assegurou o Ministro.
  • O chefe da diplomacia francesa confirmou que foram canceladas, por questões de segurança, duas grandes manifestações que seriam realizadas paralelamente à cúpula, no dias 29 de Novembro e 12 de Dezembro.
  • “Como a segurança não pode ser garantida, as manifestações não acontecerão” afirmou Fabius. Mesmo assim, as organizações não governamentais estarão presentes no centro de conferências, onde vão ocorrer as negociações e mais de 350 debates.