Flávio Gomes

30 de outubro de 2015

O dilema de Lula

Do jornalista Helio Gurovitz, de “Época”: “… Num cálculo político que Lula bem conhece, a persistir a atual inépcia de Dilma para lidar com a situação, é improvável que um nome ligado a ela saia vitorioso numa eleição para sucedê-la. Isso só aconteceria em duas situações. A primeira, é se Dilma porventura caísse. Nesse caso, por mais sereno e dentro da lei que fosse o rito de impeachment, o PT sempre poderia brandir o discurso do ‘golpe’ e assumir a postura de vítima para que Lula voltasse nos braços do povo. Não é por outro motivo que no início do ano, enquanto não havia a investigação do MPF e a Lava Jato ainda estava distante dele, Lula estava extremamente discreto e comedido em suas declarações contra o impeachment. Sem Dilma no governo, ficava-lhe mais fácil ganhar, concorrendo contra uma eventual presidência do vice, Michel Temer, ou de algum outro nome eleito num novo pleito. À medida que as investigações avançaram e chegaram mais perto de seu nome, Lula mudou de tática e passou a atuar na defesa de Dilma para tentar se proteger. Ele sabe muito bem que nem Dilma nem Cardozo podem – ou nem mesmo querem-lhe oferecer o tipo de proteção de que precisa nas ações da PF e do MPF. Também sabe que não pode estar associado a ela se quiser recuperar sua popularidade. Seu jogo em relação a Dilma precisa equilibrar-se sobre esse dilema, como uma sofisticada dança de aproximação e afastamento. Em sete décadas de vida, ele já demonstrou conhecer muito bem os passos do balé político.”

 

Homenagem

O governador Renan Filho e o secretário do Planejamento, Gestão e Patrimônio, Christian Teixeira, comandam hoje a solenidade de entrega da Medalha do Mérito Sílvio Carlos Luna Viana, a servidores estaduais que se destacaram em sua atividade. Às 19 horas, no Espaço Pierre Chalita, em Jaraguá.

 

Fardo

O deputado federal Paulo Fernando dos Santos (PT/AL), Paulão, tem divulgado que pretende ser candidato a prefeito de Maceió, no próximo ano. Um problema, para ele, será o desgaste do seu partido. Isso certamente explica que, na recente pesquisa do Instituto Paraná, Paulão tenha sido o pré-candidato com maior rejeição: 28%.

Cotação

Ricardo Mota revelou ontem, em seu blog, que o deputado Maurício Quintella é um dos cotados para assumir a presidência da Câmara, caso Eduardo Cunha saia: “O caminho é longo e árduo, mas há de se destacar que Quintella tem passado à margem dos escândalos nacionais, além de ser um fiel aliado do Palácio do Planalto”.

Desmentido

Em nota, a secretaria estadual da Fazenda nega que o Estado tenha deixado de repassar aos bancos os valores descontados de empréstimos consignados dos servidores, referentes ao mês de julho. A informação havia sido divulgada pelo jornalista Lauro Jardim, em seu blog, em “O Globo”, e repercutida aqui em Alagoas.

Mão dupla

O site “Diário do Poder” divulgou que o escritório de arquitetura Studi AT, que projetou o condomínio Parque Salsa, à beira mar da Praia de Guaxuma, pertence ao arquiteto Tácio Rodrigues, gerente de Geoprocessamento da Secretaria de Planejamento da Prefeitura de Maceió. Exatamente quem aprovou o projeto.

Tradição

Arapiraca, segundo maior município do Estado, faz hoje 91 anos de emancipação política. Um dos pontos altos da programação é o tradicional desfile escolar, a partir das 16 horas, com a participação de 14 escolas das redes municipal, estadual e particular de ensino, e de mais 13 instituições. O desfile terá como tema “Riqueza Cultural”.

Opinião

Do jornalista, procurador federal e ex-deputado federal Ney Lopes: “O servidor público coloca-se no regime democrático, como um fator indispensável para a estabilidade social e econômica. Sem ele, o Estado não exerceria as suas funções de controle e equilíbrio social. As críticas ao desempenho da máquina pública devem ser filtradas, no sentido de separar o papel do servidor e a má gestão de agentes públicos.”

 

*O município de Coruripe sedia até hoje oficinas do programa Sebrae Empreendedor Individual. Elas acontecem no Centro de Treinamento Rural da Cooperativa Pindorama, com palestras à noite. Durante o dia há orientação para empreendedores individuais.

*Dydha Lyra e Madalena Oliveira fazem show hoje, no Teatro Deodoro, cantando sucessos consagrados de Frank Sinatra e Edith Piaff, dois grandes nomes da música internacional. Às 21 horas, com participação de Luiz Carlos Ângelo e Manoel Vieira.

*A quarta edição da festa temática “Os Bons Tempos Voltarão”, relembrando os sucessos e o clima da antiga boate Middô, acontece hoje na casa noturna Le Hotel, a partir das 22 horas. Individuais a R$ 50,00; mesa para pessoas a R$ 300,00.

*A Diretoria de Teatros do Estado de Alagoas recebe até hoje inscrições para seleção de projetos de ocupação da sala de dança do Complexo Cultural Teatro Deodoro. O objetivo é promover a inclusão social de crianças e jovens. Contato: teatrodeodoro.al.gov.br.

*Para apresentar a história da psiquiatria e abordar também temas relativos ao início dos cuidados em saúde mental, alunos do 1º ano do curso de enfermagem da Uncisal realizam, hoje e amanhã, o 1° Simpósio Alagoano de Saúde Mental. Contato: 9.96692797

*Projeto sobre resíduos laboratoriais, da Escola Estadual Muniz Falcão, de Cacimbinhas, participa da Mostratec, mostra científica que acontece em Novo Hamburgo/RS. Os autores são os estudantes Ketlen Monique da Conceição e Uillas da Silva Onofre.

*Enquanto o ASA fala em economia, a nova diretoria do CSA pensa grande para 2016. O projeto é ganhar o Campeonato Alagoano e voltar à Série D, Copa do Nordeste e Copa do Brasil. O orçamento é para uma folha de pagamento mensal de R$ 180 mil.

 

“Bando de vagabundos, vocês são vagabundos. Vamos para o pau com vocês agora.”

Sibá Machado

Deputado federal e líder do PT na Câmara, ameaçando, da tribuna, manifestantes do Movimento Brasil Livre