Roberto Baia

14 de outubro de 2015

Soberba, autoritarismo, incompetência

De editorial de “O Estado de São Paulo”: “Dilma Rousseff reclama e cobra dos novos ministros o apoio parlamentar que imaginou que estava comprando com a última ‘reforma’ do Ministério, mas parece não se dar conta da armadilha em que se meteu no desespero para salvar seu mandato: o gigantesco aparelho estatal jamais será suficientemente grande para saciar o apetite dos políticos espertos que se sentem fortes para obter vantagens de um governo politicamente fraco. E a ironia dessa situação é que ela é produto exatamente da soberba e do autoritarismo com que o lulopetismo pretendeu eternizar-se no poder, estimulando o fisiologismo para obter uma base de apoio parlamentar ampla ‘como nunca antes na história deste país’. Funcionou enquanto Lula e o PT, num período de prosperidade, contaram com respaldo popular. Mas aí veio à luz, graças à incompetência de Dilma Rousseff, a insustentabilidade do modelo populista. E, hoje, o governo que prometia o paraíso está reduzido à humilhante condição de refém do que existe de pior na política brasileira. Soberba e autoritarismo. Esse o binômio que caracterizou a ascensão e decretou a decadência do modelo lulopetista de governar...”

Prova

José Thomaz Nonô encara, desde ontem, um grande desafio, ao assumir a secretaria de saúde de Maceió. Reconhecido pela lisura e competência como Promotor de Justiça, deputado federal por seis mandatos e vice-governador, tem a missão de dar jeito no setor mais problemático da prefeitura, numa área que não é, necessariamente, a sua praia.

Quem chega

Augusto Nardes, ministro do Tribunal de Contas que relatou as contas de Dilma Rousseff e propôs o veto, por irregularidades, tem presença anunciada para hoje em Maceió, como participante da solenidade de lançamento da Rede de Controladorias do Estado de Alagoas. Fará palestra e lançará livro, a partir das 9 horas, no Ritz Lagoa da Anta.

Indignação

José Aldo Ivo, decano do jornalismo alagoano, está revoltado. Não se conforma com a mudança da denominação da rua aonde mora, há 55 anos, em Jaraguá, que passou de Graciliano Ramos para Juca Nunes: “É uma indignidade que cometem com um alagoano ilustre que é um dos maiores nomes da literatura mundial”.

Ordem

Fernanda Marinela, candidata da situação à presidência da OAB/AL, anuncia os candidatos do seu grupo ao Conselho Federal: Thiago Bomfim, Everaldo Patriota, Felipe Sarmento, Marié Miranda, Raimundo Palmeira e Adrualdo Catão. As duas chapas de oposição são encabeçadas por Roberto Mendes Filho e Fernando Falcão.

Presença

Alagoas tem participação relevante no Congresso Nacional dos Procuradores dos Estados e do Distrito Federal, de hoje até 6ª feira, 16, em Brasília. Além do Procurador Geral, Francisco Malaquias, outros profissionais da categoria estarão presentes. Dentre eles, Roney Raimundo Leão Otílio e Helder Braga Arruda Jr, que defenderão teses.

Argumento

Do ex-presidente Lula, defendendo as ilegalidades cometidas pela sucessora com as “pedaladas fiscais: “Talvez a Dilma, em algum momento, tenha deixado de repassar o Orçamento para a Caixa, porque tinha que pagar coisas que não tinha dinheiro. E qual eram as coisas que ela tinha de pagar? Ela fez as pedaladas para pagar o Bolsa Família. Ela fez as pedaladas para pagar o Minha Casa, Minha Vida”.

 

* Crise? Informação que chega a esta “Conjuntura” indica que não: nosso conterrâneo Aldo Rebelo, uma das figuras mais expressivas do PC do B, festejou sua investidura no cargo de Ministro da Defesa com um coquetel no Clube Naval, em Brasília.

* A empresa Sandes Estofados inaugurou ontem sua fábrica nas instalações do Polo de Madeira e Móveis Nascimento Leão, em Arapiraca. O evento integra a programação dos 91 anos da Emancipação Política do município. A prefeita Célia Rocha participou.

*O “Expresso da Cidadania”, ônibus itinerante da Defensoria Pública do Estado, estará hoje, a partir das 8 horas, em Jaramataia, no Clube Cultural Beto Barreto. Defensores públicos, funcionários e estagiários realizarão serviços diversos à população carente.

*Hoje, no Centro Cultural Arte Pajuçara, a Mostra Cinema Asiático Contemporâneo realiza as suas últimas exibições, com produções de países como Japão, China, Tailândia, Singapura, Turquia e Taiwan, na última sessão do dia. Ingresso a R$ 10,00.

* A exposição “Filhos deste Solo”, com 14 quadros da artista plástica Teresa Lima, fica aberta ao público somente até hoje, no Museu Palácio Floriano Peixoto. A mostra integraa programação da 9ª Primavera dos Museus, iniciativa do Instituto Brasileiro de Museus.

*A Biblioteca Pública Estadual Graciliano Ramos, da secretaria estadual da Cultura, lançou o projeto “Coco, memória e cordel”, com o cordelista Jorge Calheiros, para ensinar poesia de cordel, embolada e tocar pandeiro. Às 2as, 4as e 6as. Contato: 3325.7877.

*Cerca de 70 estudantes da Universidade Federal de Alagoas participam, de hoje ao dia 25, em Uberlândia, Minas Gerais, dos Jogos Universitários Brasileiros. Em 2014, a Ufal ficou em terceiro lugar entre as universidades do Nordeste e em 12º no ranking geral.


“O governo está rezando o terço no meio de um bordel”

Jader Barbalho

Senador do PMDB (PA), defendendo que o governo tinha que dar logo os cargos para os partidos insatisfeitos da base votarem os vetos presidenciais