Roberto Baia

14 de outubro de 2015

Clima “quente” em Traipu

 

Não é nada saudável o clima político na cidade de Traipu.  Os vereadores José Eduardo e Junior da Capivara usaram a Tribuna, na sessão da última sexta-feira, onde denunciaram que sofreram tentativa de suborno por parte do atual secretário de Saúde, Etinho dias, para apoiarem a prefeita Conceição Tavares.

Segundo o vereador Eduardo, o secretário Etinho Dias teria oferecido RS 150 mil e uma motocicleta, sendo o veículo para o filho do vereador, em troca de apoio político para a prefeita “Não aceitei a proposta porque fui eleito para trabalhar pelo povo de Traipu”, disse.

 

Procurou o MP

Os vereadores prometeram denunciar a tentativa de suborno ao Ministério Público, para que sejam tomadas as providências cabíveis para a devida apuração do caso

Segundo ele, na proposta que considera indecorosa, o secretário ainda ofereceu empregos na Assembleia Legislativa, caso mudasse de partido e ficasse do lado do grupo de sustentação da prefeita.

 

Aprovou relatório

O vereador Júnior da Capivara relatou que outras pessoas estariam sendo procuradas constantemente por Etinho Dias e outros assessores diretos da prefeita em troca de apoio político, depois que a Câmara Municipal aprovou o relatório final da Comissão Especial de Inquérito da Saúde (CEI), que investiga falta de médicos e medicamentos nos postos de saúde, bem como salários de servidores há vários meses em atraso, medicamentos com prazo de validade vencido, entre outras denúncias. Até o momento, o secretário Etinho Dias não emitiu nota oficial desqualificando as denúncias, que estão chamando a atenção de toda a sociedade de Traipu.

 

OAB Arapiraca

O advogado Hector Martins anunciou que é candidato à presidência da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) Arapiraca. O lançamento oficial da campanha será realizado no dia 20 de outubro no comitê que fica situado na Avenida Ceci Cunha, em Arapiraca.

Na composição da chapa também está o advogado Sérgio Marques, como vice-presidente, as advogadas Vânia Félix e Rosicléia Amorim ocupam os cargos de secretária geral e adjunta, respectivamente, e o advogado André Chalub, integra a Chapa como tesoureiro.

 

 Insatisfação

Hector Martins afirmou que a candidatura à presidência da OAB Arapiraca surgiu de um desejo coletivo de grande parte dos advogados da região que estava insatisfeita com a inércia da atual gestão na promoção dos interesses da classe. O objetivo da Chapa Avança OAB Arapiraca é lutar por novas conquistas e promover a integração dos advogados e lutar por novas conquistas.

 

Controle interno

A Controladoria Geral do Estado, a Associação dos Municípios Alagoanos e o Tribunal de Contas do Estado lançam, nesta quarta-feira, 14, a Rede de Controladorias do Estado de Alagoas. O objetivo é socializar informações, compartilhar conhecimentos e unificar a metodologia de trabalho na área de controle interno.

O evento terá a presença do ministro do Tribunal de Contas da União, Augusto Nardes, que vai lançar o livro “Governança no Setor Público” e também ministrar palestra sobre o assunto.

 

Governador

Presenças confirmadas do governador Renan Filho; do presidente do Tribunal de Contas do Estado, Otávio Lessa, e do presidente da Associação dos Municípios de Alagoas, Marcelo Beltrão.

A Loja Centauro do Arapiraca Garden foi furtada segunda-feira, dia do feriado de Nossa Senhora Aparecida. O crime foi registrado pelo 3º Batalhão de Polícia Militar.

O gerente da Centauro informou que, ao chegar na loja, se deparou com o cofre do estabelecimento arrombado. O valor levado ainda não foi informado.

 

 Esporte

Aconteceu na manhã de sábado, 10, a apresentação da Escola Oficial de Futebol do Santos Meninos da Vila. O evento aconteceu no Ginásio Poliesportivo Municipal João Paulo II.

O franqueado da Escola Oficial de Futebol do Santos Meninos da Vila, em Arapiraca, Alex Simão, disse que o projeto conta com o apoio da Prefeitura de Arapiraca, que cedeu o ginásio de esportes e o campo de futebol do Centro de Apoio às Escolas em Tempo Integral para o trabalho com as crianças e adolescentes.

 

 Jogo decisivo

O time do ASA terá toda a semana para aprontar a equipe para o jogo decisivo contra o Tupi (MG), pelas quartas-de-final do Campeonato Brasileiro da Série C.

O técnico Vica está tentando corrigir os erros cometidos pelo alvinegro na partida de ida do mata-mata, em Juiz de Fora, quando foi derrotado por 2 a 0.

Todos os trabalhos serão realizados com os portões fechados para a imprensa e torcedores.

A partida decisiva acontece no dia 19, próxima segunda-feira, no Coaracy da Mata Fonseca.

 

Chã Preta

A Prefeitura de Chã Preta publicou edital retificado sobre Concurso Público. O prazo para se inscrever foi estendido até esta quinta-feira, 15 de outubro, e os pedidos devem ser feitos através do site www.fundepes.br, mediante pagamento da taxa de R$ 50,00, R$ 70,00 ou R$ 90,00, a depender do cargo.

Outras datas do cronograma de atividades também passam por alterações.

 

Coqueiro Seco

Em ação civil de responsabilização por ato de improbidade administrativa, a Promotoria de Justiça de Santa Luzia do Norte, pediu o afastamento do prefeito de Coqueiro Seco, Renato Tadeu Fragoso e Silva, por deixar de cumprir com as normas financeiras e orçamentárias do Município. No período de 2006 a 2013, o gestor gerou uma dívida com a Eletrobras Distribuidora Alagoas no valor de R$ 184.980,62 em faturas não pagas e juros e multas decorrentes da inadimplência.

 

 

… Pelo ato de improbidade administrativa e prejuízos causados ao Município, o promotor de Justiça Sóstenes de Araújo Gaia também requereu a condenação de Renato Tadeu ao ressarcimento do erário nos termos da Constituição Federal e da Lei n.º 8.429/92, que preveem ainda a suspensão dos direitos políticos, a perda da função pública e a indisponibilidade dos bens do réu, sem prejuízo da ação penal cabível.

 

… “Esperava-se do réu, como chefe do Poder Executivo de Coqueiro Seco, que ele não causasse dano aos cofres públicos. No entanto, ele deixou de efetuar o pagamento das obrigações devidas e as quais estão vinculadas por força da relação contratual pública mantida com a Eletrobras. Para piorar, não se sabe para que foi destinado o valor a ser pago à empresa”, disse o membro do Ministério Público do Estado de Alagoas (MPE/AL)

 

… O promotor tomou conhecimento da dívida a partir da representação que a Eletrobrás formulou ao MPE/AL em 2013, denunciando a situação de inadimplência na qual se encontrava a maioria dos municípios alagoanos. Na ocasião, a empresa discriminou a dívida de cada prefeitura municipal por competências e valores, inclusive juros, multa e correções monetárias.