Edmilson Teixeira

30 de setembro de 2015

Penedo; quatro meses em greve!

Nesta quinta-feira,  a Câmara de Vereadores realiza audiência pública sobre a greve na Educação. O debate que objetiva mediar uma solução para o movimento será realizado no auditório da Casa de Aposentadoria, a partir das 9h. Simplesmente a greve começou no dia 29 de maio, ou seja, há quatro meses. O Sindicato da categoria cobra um reajuste de 13,1%, não só para os professores, mas para todos os 784 servidores da Educação, sendo esse o grande impasse para a Prefeitura, que oferece apenas 7%, porém  só para a turma do giz.

 

Penedo – desfeita

 

Prefeito Március Beltrão diz que está faltando sensibilidade por parte do Sindicato. “Eu já apresentei toda uma planilha mostrando a real condição econômica do município; mas poucos têm levado a sério o caso” disse o prefeito, alegando que o município só tem condições de aumentar em 7%; proposta que por sinal, foi aceita pela presidente do Sindicato, Ana Flávia durante uma reunião na presença do promotor da Infância e da Juventude, Dr. Azálio, ocorrida no começo deste mês; porém, argumenta Március, foi desfeita num outro dia, certamente com a interferência de alguns dirigentes sindicais.      

 

Penedo – meia sola

 

“Vejam só: das 30 escolas do município, 23 voltaram a funcionar porque os profissionais estão ciente da situação econômica que atravessa o País. Na verdade, o reajuste de 7% que estamos propondo é para atender ao professor. Se a gente conceder para as demais categorias da Educação, como vem sendo cobrado pelo o Sindicato, o que vai haver é um colapso na Prefeitura, pois certamente todos os servidores das outras secretarias vão exigir o mesmo direito; aí vem greve de tudo quanto é lado”, prevê  Március Beltrão. Ele  salienta que mesmo nesses cerca de quatro meses de paralização, a Prefeitura desembolsou mais de 7 milhões  para manter a folha da Educação e que o mês de setembro já foi pago de forma antecipada para todos os servidores do município.  

 

Delmiro Gouveia

 

São fortes os comentários dando conta de que o deputado federal Carimbão, está se articulando, a fim de disputar no ano que vem a Prefeitura de Delmiro Gouveia. Inclusive  publicaram nas redes sociais seu novo título de eleitor com domicílio naquela cidade sertaneja. Na verdade a tara de Carimbão sempre foi a de disputar a Prefeitura de Maceió. Por sinal toda uma articulação foi feita no pleito passado, só que ele abriu da parada, entendendo que o momento não era favorável. Aliás, continua sendo. Talvez agora Delmiro surja como alternativa como o plano B.

 

 

Atalaia 

A Prefeitura através da Casa do Empreendedor e em parceria com a Associação dos Transportes Alternativos do município, concluiu mais uma turma de formação de condutores de veículos – Ao todo já foram contemplados 75 profissionais. O curso visa habilitar os motoristas a melhorar a condução dos veículos, com aulas sobre legislação de trânsito; direção defensiva; noções de primeiros socorros; respeito ao meio ambiente e convívio social no trânsito, além de relacionamento interpessoal.

Igaci

 

Os pequenos produtores de Igaci que integram a Cooperativa de Crédito Rural do Agreste Alagoano (Cooperagre) começaram a receber da entidade, os recursos liberados por meio da Agência de Fomento de Alagoas (Desenvolve), destinados à aquisição  de animais, ao incremento das plantações e investimento  no comércio local. Serão cerca de 300 mil reais, oriundos do Fecoep, que é o Fundo de Combate a Pobreza. Os valores  são reembolsáveis e cedidos a juros subsidiados, a partir da linha de crédito   de Apoio à Capitalização de Cooperativas de Crédito e Organizações de Microcrédito de Alagoas (Procap).

Messias

A cidade de Messias larga na frente na região metropolitana da capital, na questão do combate ao vício do cigarro. É que lá, por meio da Sesau, foi implantado um Núcleo de Atenção ao Fumante. O órgão dispõe de uma equipe multidisciplinar e atuará no auxílio a tabagistas que desejam parar de fumar. Nele será possível encontrar o apoio de profissionais como médicos, enfermeiros, psicólogos e nutricionistas, que foram capacitados para trabalhar com esse público.

 

Outros

 

Em Alagoas, nove Núcleos de Atenção ao Fumante estão em atividade nas cidades de Palmeira dos Índios, Junqueiro, Arapiraca, Maceió, Girau do Ponciano, Ibateguara, Quebrangulo, Igreja Nova e agora Messias. Os fumantes que desejem procurar auxílio podem procurar o posto de saúde mais próximo e realizar sua inscrição em um dos núcleos.

 

Poço das Trincheiras – roubalheira

Prefeito Gildo Rodrigues vai pagar caro pelo ato que cometeu há cinco anos  durante  sua gestão passada. Simplesmente se aliou ao comerciante José Aloísio Maurício Lira, a fim de montar um esquema na compra de merenda escolar. É que parte do pagamento mensal dos gêneros alimentícios fornecidos ao município  pela empresa de José Aloísio, era devolvida em espécie ao prefeito, em sua residência; pode uma coisa dessa?

 

Poço das Trincheiras – pena

 

O  Gildo foi condenado à suspensão dos direitos políticos por um período de 10 anos, perda da função pública, proibição de contratar com os poderes públicos pelo prazo de 10 anos e pagamento de multa civil fixada em R$ 85.000,00. Seu comparsa  foi condenado à suspensão dos direitos políticos por um período de oito anos e ao pagamento de multa civil fixada em R$ 15.000,00. Os dois réus juntos terão ainda que ressarcir integralmente o dano ao Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação, no valor de R$ 75.429,55.