Flávio Gomes

15 de julho de 2015

Gazua de fazer dinheiro

Do jornalista Sebastião Neri em sua coluna semanal de ontem, na “Gazeta de Alagoas”: “Nos últimos 12 anos os governos Lula/Dilma seguiram a filosofia do marqueteiro João Santana: não lidar com conceitos como verdade. A mentira é mais fácil de absorver. Nos primeiros 4 anos, colheu os frutos do Plano Real, uma economia sustentável com avanço social garantido pela estabilização econômica. No segundo mandato de Lula e no primeiro de Dilma, ao abandonarem os fundamentos que alicerçavam o Plano Real e não promoverem as reformas que modernizariam a economia brasileira, era questão de tempo a débâcle, que estão vivendo os brasileiros com a crise vitimando trabalhadores, classe média e importantes setores produtivos. O ex-presidente Lula, apostando na falta de memória do povo, assume ares de oposição, ignorando que foi no seu governo que ocorreu o maior assalto ao dinheiro público na história do país. Semana passada, em Brasília, durante reunião com dirigentes do PMDB, disse que a apuração da roubalheira contamina a política e a economia: ‘A Lava Jato não pode ser a agenda do País’. Resta perguntar: por que a operação tão bem conduzida pelo Ministério Público Federal, Polícia Federal, Receita Federal e a competência jurídica do juiz Sergio Moro teve de pautar o Brasil? Porque o PT fez da Petrobras uma sórdida gazua de fazer dinheiro.”

 

Convergência

Não só Renan Filho anda insatisfeito com a situação da saúde pública em Alagoas. O senador Benedito de Lira, que disputou com ele o governo, também: “Há problemas de infraestrutura, há carência de insumos, há déficit de pessoal e há, também, falta de investimento estadual e federal. Mas talvez a causa mais grave dessa situação calamitosa seja a má gestão do sistema público de saúde alagoano.”

Contraponto

Trecho de nota da assessoria do senador Fernando Collor, sobre busca e apreensão da Polícia Federal em sua residência: “A medida invasiva traduz os tempos em que vivemos, em que o Estado Policial procura se impor ao menoscabo das garantias individuais seja do ex-Presidente, do Senador da República, ou do simples cidadão”.

Aparência

Uma ideia no governo estadual para atenuar um pouco o desgaste na Saúde é construir um hospital. Coisa prometida pelo prefeito Rui Palmeira na campanha, no que teve o respaldo do então governador Téo Vilela. Feito o hospital e divulgadas as imagens, daria ao menos a sensação aparente de melhor atendimento.

Menos folga

O deputado estadual Rodrigo Cunha (PSDB) apresentou projeto para diminuir o recesso parlamentar na Assembleia Legislativa de Alagoas, de 92 para 55 dias, como é na Câmara dos Deputados e outros Estados. Ele fala sobre isso no programa “Conjuntura”, que vai ao ar hoje, às 12h40m, na TV Mar, canal 25 da NET.

Articulação

Um grupo de oito partidos pequenos, denominado G-8, se propõe a atuar em conjunto nas eleições municipais de 2016, para fazer bom número de vereadores e prefeitos. Hoje o grupo se reúne, às 15 horas, na Câmara Municipal de Arapiraca. O bloco é formado por PRTB, PT do B, PTC, PHS, PSDC, PSL, PRP e PPL.

Agenda

Jeanine Pires, presidente da CTI/Nordeste e secretária do Desenvolvimento Econômico e do Turismo, e Jair Galvão, secretário de Turismo de Maceió, são presenças certas hoje, às 8 horas, no Hotel Jatiúca. Vão participar do lançamento do 2º Salão de Turismo Rota 101 Nordeste, que acontece, de 6 a 8 de agosto, em Recife.

Cenário

Senador Cristovam Buarque, PDT-DF: “Dentro do PT muita gente acha que a melhor saída para o próprio partido seria a renúncia de Dilma. Aí, o vice assumiria e o PT construiria o seu caminho dentro ou até fora do governo. Essa posição poderia até acalmar o Brasil hoje; se tiver o aval do Lula, naturalmente.”

 

*Será celebrada hoje, às 20 horas, na Igreja de São Pedro Apóstolo, Ponta Verde, a missa de um ano do falecimento do empresário Álvaro do Monte Vasconcelos Filho. Ainda jovem, ele pedalava sua bicicleta quando foi atingido por um ônibus.

* Acontece hoje, das 14 às 18 horas, no Hotel Ritz Lagoa da Anta, orla de Cruz das Almas, um Mini Simpósio de Tecnologia Assistida Aplicada à Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA). É uma iniciativa da Associação Hemerson Casado Gama.

*A Associação dos Docentes da Ufal realiza assembleia hoje, às 9 horas, no Centro de Interesse Comunitário, Campus A. C. Simões. Dentre as atividades, palestra do professor José Menezes Gomes, do curso de Economia do Campus da Ufal do Sertão.

* O projeto “Quartas Eruditas” tem hoje mais uma apresentação, a partir das 15h30m, no Complexo Cultural Teatro Deodoro, com entrada franca. O projeto é uma iniciativa da Secult e da Diteal, em parceria com o Instituto de Cultura Ero Dictus.

*Já o projeto “O Teatro Deodoro é o Maior Barato”, que oferece espetáculos a preço popular (R$ 10,00), recebe hoje a banda Favela Soul, com o show “Solta esse Black”. A programação segue até 18 de novembro, às quartas-feiras, a partir das 19h30m.

*Terceiro colocado em seu grupo, na Série C do Brasileiro, o ASA joga hoje, 22 horas, em Londrina, Paraná, contra o Palmeiras, pela Copa do Brasil. No primeiro jogo, em São Paulo, houve empate de 0x0. A TV Gazeta transmite para Alagoas, ao vivo.

 

“E aí, Guerrero, você não disse que o Flamengo tinha a maior torcida do mundo? Chupa essa manga, seu otário.”

Neto

Misto de comentarista e torcedor do Corínthians, ironizando o jogador Guerrero e mostrando, pela falta de ética, que a má fase do nosso futebol não é só dentro de campo