Flávio Gomes

11 de julho de 2015

O sonho liberticida

Do jornalista Sandro Vaia: “O setor da comunicação não é o que mais desemprega no país atualmente. Graças à extraordinária habilidade com que o governo Dilma aplicou a sua ‘nova matriz macroeconômica’ e as pedaladas fiscais que agora terá que explicar ao TCU, o desemprego bate forte na indústria automobilística, na construção civil, nas telecomunicações; só as empresas envolvidas na Operação Lava Jato tiveram que demitir 10 mil pessoas na construção naval… Além do reflexo da crise da estagnação da economia, presenteada pelas heterodoxias econômicas do trio Dilma-Mantega-Arno Agustín, a indústria da comunicação passa pela crise da transição das plataformas de papel para as plataformas digitais, mas nem o PT nem Lula têm qualquer espécie de colaboração a oferecer na solução desse dilema, mesmo porque não o entendem. Por eles, seria melhor que tudo desaparecesse, e que as mídias se transformassem em porta-vozes em defesa de seus desatinos e caprichos. Uma imprensa “yes man”, que não publique fatos, que não investigue, que não questione, que não indague, que não conteste, que se ajoelhe aos superiores interesses do partido que pretende ser nosso farol e guia. Por trás do discurso raivoso do chefe do PT comemorando a demissão de jornalistas está o incontrolável instinto liberticida de quem não suporta ser contrariado e desmistificado em público. Os governos, os partidos e os caudilhos passam. A democracia sobrevive, mas só com a imprensa livre.”

 

Pinóquios

Foi grande a comitiva de alagoanos no casamento da filha do ministro Humberto Martins, do Superior Tribunal de Justiça, em Punta Cana, praia das mais procuradas na República Dominicana, Caribe. Interessante que há pessoas que nem saíram de Maceió para a festa e dizem, empolgadas, que estiveram no casamento.

Ansiedade

Há muita expectativa em relação à Lei Delegada que o governador Renan Filho terá de colocar em vigor ainda neste mês de julho. Pelo pouco que se sabe, a lei irá promover profundos cortes de despesas e modificar, em muito, a estrutura administrativa. Existe muita preocupação dos servidores quanto a isso.

 

Oportuno

Foi aprovado pela Assembleia Legislativa projeto de lei da deputada estadual Thaíse Guedes (PSC) propondo que doadores de sangue cadastrados pelo Hemoal tenham direito a meia-entrada em eventos culturais e de entretenimento. Uma feliz iniciativa da parlamentar que aguarda sanção do governador Renan Filho.

 

Bom senso

O vereador Silvânio Barbosa (PSB) é oposição ao prefeito Rui Palmeira, mas não poupa elogios à uma iniciativa da Prefeitura de Maceió: a implantação de faixas exclusivas para transporte coletivo nas Avenidas Fernandes Lima, Durval de Góis Monteiro e Dona Constança. “O que está certo eu tenho mesmo de reconhecer”, diz.

 

Ordem em cena

Intensifica-se a campanha da OAB/AL. A última avaliação é que Fernanda Marinela será candidata da situação. Pela oposição, Marcelo Brabo e Welton Roberto, candidatos na última disputa, e Omar Coêlho, ex-presidente, passaram a apoiar Fernando Falcão. Roberto Mendes Filho lidera um grupo de jovens advogados.

 

Alternativa

Jackson de Lima Neto, presidente do Sindicato dos Trabalhadores da Indústria do Açúcar de Alagoas, defende a absorção de usinas em dificuldades financeiras por cooperativas. Cita dois casos em Pernambuco: a Usina Pumaty, em Joaquim Nabuco, e a Usina Cruangi, em Timbaúba, como exemplos a serem adotados por aqui.

 

Opinião

De Gustavo Ioschpe, articulista da “Veja”, sobre a omissão dos brasileiros diante de tantos desmandos: “Alguém já disse que um dos sinais da loucura é continuar fazendo a mesma coisa e esperar que o resultado seja diferente. Muita indignação e pouca ação, os males da nossa democracia são. Reclamamos, mas elegemos os mesmos”.

 

 

 

* Será em 2 de setembro a votação para escolha do novo reitor e vice-reitor da Ufal. Estão aptos a votar 30 mil pessoas, entre estudantes, docentes e técnico-administrativos. Candidatos: Rachel Rocha, Valéria Correia e Márcio Barbosa.

 

* Às 20 horas de hoje, no restaurante Fidel Cozinha Boêmia, no Prado, haverá o lançamento do livro “Simbiose Poética”, de Lucas Cavalcanti. É uma obra publicada graças ao edital de incentivo à cultura da Imprensa Oficial Graciliano Ramos.

 

* O evento “Som do Mercado”, aberto ao público, retorna hoje, às 20 horas, ao Mercado do Artesanato Margarida Gonçalves, na Praça Ceci Cunha, Arapiraca. Irão se apresentar Bastinho da Sanfona, a cantora Neide Morena e o mestre Afrísio Acácio do Acordeon.

 

*O Teatro Jofre Soares, no Sesc Centro, recebe hoje mais uma etapa do projeto Recitais Literários do Sesc, com a confraria Nós, Poetas. Da programação consta o lançamento de “Íris, as Orquídeas”, de Noemi Jaffe. Às 17 horas. Informações: 3326.3133.

*Desde ontem e até amanhã, sempre às 18 horas, o Cine Sesi Cultural, em sua 10ª edição, apresenta filmes na cidade de Igreja Nova, como parte do seu propósito de levar cinema às cidades que não dispõem de salas de projeção. Aberto ao público.

 

*Com apenas uma derrota este ano (em abril, para o CRB), o ASA joga hoje no interior de Pernambuco, às 16 horas, contra o Salgueiro, pela Série C do Campeonato Brasileiro. O time de Arapiraca está invicto na competição e também na Copa do Brasil.

 

*Depois de deixar escapar a vitória no último minuto, em casa, contra o Boa Esporte, e permitir uma reação do Santa Cruz, no Recife, o CRB testa a paciência da sua torcida hoje, contra a Luverdense, pela Série B, às 16h30m, no Trapichão.

 

“Quem tem TCU tem medo”

 

José Luiz Teixeira

 

Jornalista, em referência à situação política da presidente Dilma Rousseff