Flávio Gomes

26 de junho de 2015

Batata no forno

De Ricardo Constantino em “Veja”: “…O petrolão jamais teria acontecido sem o aval dos mais poderosos do governo, e é fundamental chegar neles. Não apenas nos diretores da estatal já presos, mas naqueles do andar de cima, os verdadeiros chefes. São esses que transformaram o estado num grande leilão de propinas, e eles precisam pagar. Tudo isso, portanto, é alvissareiro, mas insuficiente. A polícia precisa chegar nos mandachuvas do governo, nos maiores beneficiados pelo esquema de desvios, naqueles que mandavam nos subalternos presos. Como já escrevi aqui, o Brasil só vai passar a limpo essa sombria fase quando “o chefe” for parar no xilindró. Sim, falo dele, o arrogante que se julga intocável, acima das leis, o que recebeu milhões da mesma Odebrecht agora no centro das investigações. Lula é seu nome, e os brasileiros decentes sonham com o dia em que acordarão com a notícia estampada nos jornais: Operação Lava-Jato chega ao topo da hierarquia e prende Luís Inácio Lula da Silva. Será que veremos esse dia chegar? Será que o Brasil tem força institucional para dar esse passo e se aproximar do modelo americano? Tomara que sim. Lula, sua batata está assando, pois ninguém deve ficar impune, não importa quantos bilhões tenha no banco e quantos “soldados” do “exército” de Stédile estejam a postos para defendê-lo. A lei deve valer para todos.

Balela 

Renan Filho não tem conseguido mais do que promessas junto ao governo federal. Tanto é assim que, apesar das viagens a Brasília e consequentes anúncios otimistas, este ano os recursos da União para Alagoas foram reduzidos em 77%. E o Trecho 4 do Canal do Sertão deve parar exatamente por causa disso. Mais demissões à vista.

Sugestão

Do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB/AL), ao defender mais rigidez para o financiamento de campanha: “As campanhas precisam ter um teto e nós precisamos estabelecer um subteto. A empresa só pode doar até um percentual do custo total da campanha porque, senão, você fica com um candidato tutelado pelo doador”.

Por cima 

Oposição ao prefeito Rui Palmeira, o vereador Silvânio Barbosa (PSB) pegou apoio do governador Renan Filho para viabilizar os festejos juninos no Benedito Bentes. E exibe, vaidoso, imagens com milhares de pessoas na festa de 3ª feira, dia em que o evento da prefeitura, em Jaraguá, foi cancelado por causa das chuvas. 

Impasse

Após a entrevista ao semanário “Cada Minuto”, em que admite deixar o PT, o espaço de Judson Cabral no PT ficou ainda mais reduzido. Ex-deputado estadual e ex-vereador, ele preside o Serveal e é lembrado para disputar a eleição em 2015, concorrendo a vereador ou prefeito. A questão: se não for pelo PT, por qual partido? 

Turismo

Representantes do trade turístico alagoano estarão hoje em Recife, para o lançamento do 2º Salão de Turismo Rota 101 Nordeste, a ocorrer de 6 a 8 de agosto, em Natal. O evento de hoje será no Mercure Mar Hotel, com presenças do ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves, do governador Paulo Câmara e do prefeito do Recife, Geraldo Júlio.

Agenda

A Biblioteca Pública Estadual Graciliano Ramos completa 150 anos e hoje dá continuidade à programação festiva. A agenda prevê: inauguração do espaço Confraria Nós, Poetas; projeto Cinemateca, com a exibição do vídeo ‘Graciliano, um brasileiro alagoano’; uma oficina de livros artesanais. A biblioteca foi restaurada no ano passado.

Opinião

Arthur Virgílio Bisneto, deputado federal (PSDB/AM): “Esse cenário desolador do mercado de trabalho no país é fruto de uma série de erros cometidos e repetidos pelo governo Dilma, desde a condução equivocada da política econômica até a falta de compromisso com a verdade. As famílias brasileiras não merecem tanto desemprego, tantos impostos, tanta inflação, tanta inverdade”.

 

* Quem deve, teme. Quem tem… tem medo. Certamente esse são os motivos de o ex-presidente Lula ter ingressado com pedido de habeas corpus, para não ser preso ou alvo de busca e apreensão de bens e documentos, por conta da Operação Lava a Jato.

* Hoje o município de Piranhas ganha um reforço na implementação da Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas, com a inauguração da Casa do Empreendedor. O espaço servirá para formalizar novos negócios e orientação a empreendedores.

*A happy hour do Sesc Poço de hoje terá muito forró: a partir das 19h30m se apresentam Geraldo Cardoso e Joelson dos 8 Baixos, expressões da música regional. Detalhe: os 300 primeiros associados que chegarem terão acesso grátis. Contato: 08002842440.

*Atrações de hoje do São João de Maceió, no Estacionamento de Jaraguá: palco – Flávio José, Geraldo Cardoso, Flávio Leandro e Kel Monalisa; Espaço Pé e Serra – Vavá dos 8 Baixos, Pindorama e Betinho Marcolino. A partir das 20 horas.

*O São João da Inclusão, organizado pela Associação dos Deficientes Físicos de Alagoas, acontece hoje, 14 horas, na sede da Adefal. Haverá comidas típicas, concurso de forró, a tradicional eleição do rei e rainha do milho, jogo de argolas e sorteio de balaio.

*A Diretoria de Teatros de Alagoas abriu inscrições, de ontem até 25 de julho, para a 11ª edição do projeto “Quinta no Arena”. O edital completo pode ser consultado no endereço eletrônico teatrodeodoro.al.gov.br. Contato: 3315.5664/5665.

 

*O torcedor alagoano, especialmente o do CRB, não perde por esperar: Joãozinho Paulista, um dos maiores ídolos do nosso futebol, está preparando um livro de memórias, a ser lançado até o final deste ano. Promete contar casos e causos interessantes.

 

“É preciso, agora, sustar com urgência a concentração de renda e riqueza que vem sendo imposta pela mão direita do PT”

Rogério Furquim Werneck

Articulista de “O Globo”