Blog do Dresch

29 de Maio de 2015

Quinteto Violado canta Dominguinhos

                   Uma grande homenagem para um dos maiores talentos da música regional e brasileira. Assim pode ser descrito o espetáculo que faz uma viagem pelo universo de Dominguinhos, através do Quinteto Violado, grupo pernambucano identificado com o que o Nordeste tem de melhor. “Quinteto Violado canta Dominguinhos” será apresentado no Teatro Deodoro, nesta sexta feira (29) a partir das 21h, trazendo ainda um dos herdeiros musicais de Dominguinhos, o sanfoneiro Cezzinha, jovem talento que desponta com luz própria graças á sua versatilidade musical.

Cantando Dominguinhos 2

                   O espetáculo montado pelo Quinteto Violado faz parte de uma série onde são homenageados outros ícones da musica brasileira como Geraldo Vandré. Jackson do Pandeiro, Adoniram Barbosa e Zé Marcolino. Agora a homenagem vai para Dominguinhos com quem o Quinteto teve seu primeiro contato nos idos de 1974, quando o sanfoneiro acompanhava Elba Ramalho. “De lá para cá” foram muitos os encontros e as participações mútuas em shows. Restou a amizade e a admiração pelo trabalho do grande músico regional. Esse mesmo espetáculo ainda passa por São Luís, Fortaleza, Natal, Aracaju, Recife, Rio de Janeiro, Curitiba, São Paulo, Brasília e Belo Horizonte.

Cantando Dominguinhos 3

                   O Quinteto Violado nasceu em Pernambuco em 1971 com uma proposta musical diferenciada, mantendo o estilo do Nordeste, acrescido de muita pesquisa musical dentro de um processo cultural abrangente. São Mais de 40 anos de trabalho, apostando em pesquisas, espetáculos, discos, festivais, excursões nacionais e internacionais. Sua obra esta registrada em livro, dvds e mais de 49 discos lançados no Brasil e no exterior. O grupo recebeu ano passado, pela quarta vez, o Prêmio da Música Brasileira como “Melhor Grupo Regional do Brasil”. Já se apresentou inúmeras vezes em Alagoas onde tem um público cativo, tanto na capital como no interior, onde também é assíduo. O show desta sexta tem preços bem acessíveis, sendo R$ 20 e R$ 10 a meia entrada.

Muda regra da infidelidade

                   O Supremo Tribunal Federal, por unanimidade, modificou a regra que previa a perda do mandato do político que muda de partido, a chamada regra da fidelidade partidária. Segundo os ministros, a regra agora não mais se aplica aos casos de eleição para cargos majoritários – como senadores, governadores e Presidente da República. Segundo o relator da ação, ministro Luís Roberto Barroso “não se afigura legítimo estender a regra da fidelidade partidária ao sistema majoritário por implicar desvirtuamento da vontade popular”. Segundo ele, a fidelidade partidária deve ser aplicada nos casos dos parlamentares eleitos no sistema proporcional, como deputados federais, nos quais a votação recebida pelo partido é determinante para a eleição. O STF foi provocado sobre o assunto pela Procuradoria-Geral da República, que solicitou que o Supremo declarasse a inconstitucionalidade de trechos da resolução do Tribunal Superior Eleitoral. A Procuradoria defendeu no STF que os políticos eleitos pelo sistema majoritário, não se submetem ás mesmas regras dos eleitos pelo sistema proporcional. O TSE criou a regra para conter a migração de políticos, uma vez que no período de 1995 a 2007 foram registradas 810 migrações de partidos políticos envolvendo um total de 581 parlamentares. A decisão do Supremo beneficia diretamente a senadora Marta Suplicy, que deixou o PT para se filiar ao PSB e assim disputar a Prefeitura de São Paulo no próximo ano. O PT entrou com uma ação reivindicando o mandato da senadora, alegado exatamente a infidelidade partidária.

 

Governo Presente

                   A população de vinte municípios da região do Agreste terá a seu dispor, hoje e amanhã, diversos serviços prestados pelos orgãos governamentais. É o Governo Presente, que levará todos os orgãos da estrutura de governo para atender as demandas da população da região. Toda a estrutura esta montada em Arapiraca, com o objetivo de facilitar o acesso da população, explica o secretário chefe do Gabinete Civil, Fábio Farias, coordenador da ação. Essa é a primeira atividade de grande porte da gestão do governador Renan Filho no interior do Estado e que a partir de agora deve ser efetuada com frequência. A abertura esta marcada para as 8h da manhã de hoje, na Praça Luiz Pereira Lima.

Nova CPI da CBF

                   Aproveitando o rastro da operação deflagrada pelo FBI contra a corrupção na Fifa, o senador Romário (PSB-RJ) agiu rápido e protocolou um requerimento para criação da Comissão Parlamentar de Inquérito da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), já com 52 assinaturas de senadores. O número mínimo exigido é de 27 assinaturas. Na operação deflagrada pelo Departamento de Justiça dos EUA, foram encontrados durante as investigações, indícios de práticas ilícitas em outros países. No Brasil a suspeita recai sobre contratos de patrocínio e de transmissão assinados pelos dirigentes da CBF.

Nova CPI da CBF 2

                   Depois de conferir todas as assinaturas constantes no requerimento pela Mesa Diretora do Senado e o documento for lido em plenário pelo presidente Renan Calheiros (PMDB-AL) a Comissão será instalada com a escolha de seus integrantes e principalmente do seu presidente e do seu relator. Esta será a segunda CPI criada pelo Congresso para investigar a Confederação Brasileira de Futebol. A anterior, que levantou diversos casos de irregularidades na entidade, teve o seu relatório final abortado e substituído por outro, elaborado pela chamada “bancada da bola” do Congresso, que inocentava todos os acusados, principalmente o então presidente da CBF, Ricardo Teixeira.

 

  • O governo federal abriu crédito suplementar de R$ 7,2 bilhões em favor de diversos orgãos do Poder Executivo e de transferências a estados, Distrito Federal e municípios, para reforço de dotações constantes da Lei Orçamentária vigente.
  • Para abrir este crédito foram canceladas algumas dotações orçamentárias, como concessões de benefícios a servidores, provimento de cargos e funções, entre outros.
  •  Segundo o decreto publicado no Diário Oficial da União, assinado pelo vice Michel Temer e pelo Ministro do Planejamento Nelson Barbosa, foi concedido crédito suplementar a diversos orgãos e autarquias.
  • Foram beneficiados a Agência Brasileira de Inteligência (Abin) e a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa).
  • Também receberam dotações diversas Universidades Federais, como a Universidade Federal Fluminense (UFF) e a Universidade Federal do Ceará (UFC), além de Ministérios da Fazenda e do Desenvolvimento Social.
  • A maior parte da verba foi direcionada para o pagamento de pessoal ativo e inativo, contribuições da União para a previdência de servidores e cumprimento de sentenças judiciais.