Flávio Gomes

28 de Maio de 2015

Para onde vai esse trem?

De Fernando Gabeira, escritor, jornalista e ex-deputado federal, em “O Estado de São Paulo”: “…Vivemos um momento em que nem governo nem oposição se movem de forma articulada, com ideias claras e compartilhadas sobre sua trajetória. Vivi outros momentos assim, mas muito rápidos. Usávamos uma expressão para descrevê-los: a vaca não reconhece seus bezerros… O Congresso parece desgovernado. Vota, simultaneamente, medidas de contenção e de mais gastos. Os repórteres estão sempre fazendo contas para verificar se estamos economizando ou gastando mais. Era esperado um choque de posições no debate do ajuste; os setores atingidos procuram se defender: não há nenhuma previsibilidade de mudanças no tamanho da máquina nem o tipo de País que vai surgir desse debate. Vendo as universidades federais fluminenses em ruína antes mesmo da aplicação dos cortes, é razoável duvidar da retomada do crescimento com um simples ajuste fiscal. Tudo o que não funciona nos serviços públicos vai ganhar com os cortes uma poderosa desculpa para mascarar a incompetência: não há dinheiro. Assim, a Nova República vai morrer e nascerá a Novíssima República, como aqueles antigos trens italianos, o rápido, o rapidíssimo, que nunca chegavam na hora. Será difícil achar a luz no fim do túnel se não decidirmos, pelo menos, em que direção procurá-la. O Brasil não precisa apenas de um ajuste fiscal, mas de rever todo o modelo que nos jogou no buraco.”

Manobra

Lauro Jardim, na “Veja”: “Renan Calheiros foi à justiça para tentar impedir a Polícia Federal de investigar o Senado e limitar as investigações à Polícia Legislativa – controlada por ele. O imbróglio começou em novembro, após a PF requisitar o processo da licitação do circuito de fechado de televisão do Senado, comprado em 2011 por 5 milhões de reais.”

Renascimento

Téo Vilela reencontrou alguns correligionários do PSDB, semana passada, no enterro de Edmundo Dâmaso, ex-prefeito de Anadia. Comprometeu-se a reorganizar o PSDB e, já na eleição municipal de 2016, fazer o partido tentar retomar o espaço que ocupou aqui em Alagoas. O outro passo, revelou, será a disputa eleitoral de 2018.

Honraria

O Senado Federal fez justiça a João Tenório, ao lhe conceder o Diploma José Ermírio de Morais, anteontem. A solenidade serviu também para fazê-lo voltar ao ambiente que frequentou quando exerceu mandato de senador por quatro anos. Vale registrar: o discreto João Tenório é hoje um dos empresários mais fortes do Nordeste.

Em dobro

Jeanine Pires, secretária estadual do Desenvolvimento Econômico e do Turismo, tem missão dupla de hoje até o próximo domingo, em Fortaleza: presidente da Comissão de Turismo Integrado do Nordeste, comanda a BNTM – Brazil National Tourism Mart; como titular da Sedetur, chefia a representação de Alagoas no evento.

Com base

O deputado estadual Inácio Loiola (PSB), ex-prefeito de Piranhas e um dos profundos conhecedores do Agreste nordestino, tem demonstrado preocupação com a falta de chuvas. Segundo ele, do Litoral ao Sertão os prejuízos se fazem sentir. “Feijão, milho, gado e cana-de-açúcar têm sofrido com a estiagem”, explica o parlamentar.

Agenda

Por iniciativa da vereadora Heloísa Helena (PSol), a Câmara Municipal de Maceió realiza hoje, a partir das 9 horas, audiência pública para discutir a assistência à saúde mental. Vão participar dos debates representantes dos órgãos públicos vinculados à saúde, movimentos sociais e instituições vinculadas à Saúde Mental.?

Deboche

Juízes e servidores do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro agora têm um benefício a mais: o auxílio-educação, de R$ 953,47 por filho, no máximo três, entre 8 e 24 anos e idade. O presidente do TJ/RJ, Luiz Fernando Carvalho, justifica: “A perda do poder aquisitivo não conhece rubrica, vitimando a todos indistintamente”.

 

*Professores da Universidade Federal de Alagoas entram em greve a partir de hoje. Uma nova assembleia está marcada para as 9h30m, no auditório do Centro de Interesse Comunitário, no Campus A. C. Simões. Amanhã será o Dia de Paralisação.

*Está anunciado para hoje e amanhã, no Campus A.C. Simões, da Ufal, o 9º Congresso de Engenharia, Ciência e Tecnologia. Só poderão participar das palestras do Conecte quem tiver feito inscrição até 15 de maio. Informações: 3214.1280.

*A Orquestra Sinfônica da Ufal realiza hoje mais um concerto da Quinta Sinfônica, com o maestro Nílton Souza, em parceria com a Secult e a Diteal. Às 20 horas, no Teatro Deodoro. Os ingressos, gratuitos, podem ser obtidos a partir das 14 horas, no teatro.

*Hoje, pelo projeto “Quintas no Poço”, será homenageada a cantora Vanessa da Mata, com show de Micheline Encanta. No repertório, Elis Regina, Marisa Monte e a própria Vanessa da Mata. Às 19h30, com entrada franca. Informações: 0800.284.2440.

*O grupo “Seresteiros da Pitanguinha” e o Jaraguá Tênis Clube promoverão, em 20 de junho, “um grande baile romântico e regional”, como anunciam os seus divulgadores. Mesas a R$ 440,00 e individuais a R$ 160,00, no sistema all inclusive.

 

* Estão abertas as inscrições para a etapa estadual do Prêmio de Competitividade para Micro e Pequenas Empresas (MPE Brasil). Até 31 de julho, empresas interessadas podem se inscrever gratuitamente através do site www.mbc.org.br/mpe.

*O CRB deu uma respirada na Série B, ao empatar em 1×1 com o Ceará, mas com a rodada do final de semana pode voltar à zona de rebaixamento. Os dois próximos jogos serão em casa: 3ª feira, 2, contra o Oeste SP, e sábado, 6, contra o ABC.

 

“A vantagem da honestidade é que a concorrência é pequena”

Vera Cannux

Jornalista