Blog do Dresch

1 de Abril de 2015

Mina de ouro

De Ilimar Franco, em “O Globo”: “O Fundo Partidário virou uma indústria de partidos nanicos. Vem aí o PL, do ministro Gilberto Kassab, e o PMP, de Valdemar Costa Neto, condenado no mensalão. Um ex-deputado, que já foi de uma sigla nanica, explica que o dinheiro do Fundo é usado por deputados e senadores, na condição de presidentes regionais de uma legenda, para manter comitês (sedes), contratar parentes (funcionários) e cabos eleitorais. Ele diz que o deputado de uma agremiação nanica não tem peso político mas está com a vida ganha. Esse político pegou, a título de exemplo, o Solidariedade, presidido pelo deputado Paulo Pereira da Silva (SP), e que tem 16 parlamentares. No ano passado, a sigla recebeu R$ 7 milhões. Esses recursos garantem aos seus deputados manterem campanha permanente durante o mandato. A lei permite que esse dinheiro seja gasto também com propaganda política, criar e manter instituto ou fundação de pesquisa. A cota do PSL, R$ 1,8 milhão, serve a um deputado. A do PTC, R$ 2,2 milhões, atende a dois; e a do PMN, R$ 2,5 milhões, a três. Os especialistas eleitorais afirmam que a renda desses partidos, e dos seus, é maior com a venda do tempo de propaganda na TV, viabilizada pelas coligações partidárias.”

Incômodo

Pela excelente figura humana que é e pela competência inconteste, o conterrâneo Vinícius Lages não merecia passar pelo vexame do “fica, não fica” no Ministério do Turismo. Se Renan Calheiros, seu padrinho político, lhe tem ou tinha alguma afeição, teria dado um basta na situação, que ficou chata para ele e para o presidente do Senado.

Na prática…

O Estado alega contenção de despesas para não ocupar todos os cargos em comissão. Mas ocorrem situações que não dizem respeito simplesmente a economia. Caso de exoneração por contenção de despesas e, no outro dia, outra pessoa nomeada em substituição à que saiu. Ou de um técnico substituído por alguém indicado politicamente.

Aplausos

Pesquisa do Núcleo de Estudos Fiscais da Fundação Getúlio Vargas, que avalia a transparência no julgamento dos processos administrativos tributários, aponta o Conselho Tributário de Alagoas dentre os cinco que receberam nota máxima. A procuradora de Estado Nadja Araujo é citada como modelo de boas práticas em transparência.

Paternidade

Normalmente se culpa a Prefeitura de Maceió pelos problemas na área de saúde. Na verdade, os ônus e os bônus devem ser compartilhados com os vereadores que controlam unidades de saúde e/ou recebem recursos para manter suas próprias unidades. O que não exime de responsabilidade o prefeito Rui Palmeira, por ser o titular da gestão.

Participação

Alagoas continua a ganhar espaços na política nacional, com a inclusão, na nova diretoria da Confederação Nacional dos Municípios, gestão 2015/2018, dos prefeitos Jorge Dantas (Pão de Açúcar), como 3o vice-presidente, e Marcelo Beltrão (Jequiá da Praia), como 2º secretário. A CNM continua presidida pelo gaúcho Paulo Ziulkoski.

Positivo

A expectativa da ABIH/AL, junto aos seus hotéis associados, é de que a média de ocupação em Alagoas no período da Semana Santa será de 66,67% dos leitos, sendo ainda melhor para os hotéis padrão cinco estrelas: 82%. Há boas chances de esses números melhorem por conta de procura de última hora, o que é comum em feriados prolongados.

Ainda falta

A SMTT tomou uma providência acertada, estabelecendo mão única em algumas ruas que ligam a Avenida Antônio Gouveia à Rua Jangadeiros Alagoanos, na Pajuçara. Com isso, proporcionou mais segurança e fluidez no tráfego de veículos. Falta agora ter atitude para proibir que ônibus e vans de turismo façam fila dupla em frente a hotéis.

Opinião

Do cientista político Murillo de Aragão: “Para quem não gosta do PT e de Lula, Dilma Rousseff deveria ser um ídolo. Afinal, sob suas competentes mãos, estão sendo destruídos, simultaneamente, o ‘lulismo’, o ‘petismo’ e as possibilidades de Lula se eleger em 2018. Daí, ironicamente, alguns dizerem: deixem a mulher trabalhar! Nada resistirá ao furacão de incompetência política do atual governo.”

 

*Por conta da Semana Santa, as atividades do Poder Judiciário em Alagoas estão suspensas de hoje até domingo. Por coincidência, a OAB/AL não funciona hoje, para manutenção de urgência nos servidores de arquivos, emendando com o feriado de amanhã e depois.

*A secretaria estadual da Agricultura, Pesca e Aquicultura promove, hoje e amanhã, no Parque da Pecuária, a Feira do Peixe Vivo.A expectativa é de que sejam comercializadas três toneladas de peixe nesses dois dias. Horário de funcionamento: das 7 às 13 horas

*O Sine tem vagas imediatas de supervisor de elétrica industrial e supervisor de manutenção operacional, além de mecânico de moto, comprador com graduação em administração e estagiário em administração, ciências contábeis ou gestão financeira.

* As obras de instalação do site da AeC Contact Center de Arapiraca estão em fase de conclusão. A empresa já opera em sua sede própria desde sábado passado, no prédio da antiga Ceasa, proporcionando a geração de mais de 1.200 empregos.

*Alagoas estará representada no Campeonato Europeu de Jiu-Jitsu sem kimono, em Roma, Itália, nos dias 11 e 12 de abril, com os atletas Diego “Garfield” Cavalcante e Edcarlos Benjamim, ambos integrantes do projeto “Solara Jiu-Jitsu”, em seu primeiro desafio internacional.

 

“Petrobras vai privatizar propriedades da empresa. Mas tucanaram a privatização: agora se chama ‘desinvestimento’.”

Leão Serva

Jornalista